Um século de animação

um seculo de animação arte hq são paulo

A Academia de Animação e Artes Digitais (Rua Machado Bitencourt, 196, São Paulo, SP) traz à capital paulista uma mostra para os aficionados em HQ. O convite é para conhecer parte da história dos desenhos animados do ocidente com os olhos de um colecionador e para tanto a exposição traz imagens originais de diferentes produções, desde os anos 1930 até a década de 1990.

As obras foram selecionadas pelo fundador da Academia, Marcelo de Moura, que esteve na produção de 14 longas como “Fantasia 2000”, “A era do gelo” e “Mulan” e é um voraz colecionador de imagens de animação (com mais de 300 peças em seu acervo particular).

Marcelo acredita que esse trabalho vai inspirar mais gente a conhecer esse mundo e na abertura da exposição, no domingo 08/02, relembrou como se encantou pelo universo dos desenhos animados após assistir um making of das animações da Disney.

Quem for conferir vai ver mais de 20 peças, desde um original do desenho “Branca de neve”, passando por “Tom & Jerry”, “Em busca do Vale Encantado”, “Zé Carioca” e “Robin Hood” e chegando à década de 1990 com “O estranho mundo de Jack”.

Serviço:

  • O que: “Um século de animação”
  • Onde: Academia de Animação e Artes Digitais (Rua Machado Bitencourt, 196, São Paulo, SP)
  • Quando: 15/2, 1/5, das 14h às 17h30
  • Quanto: R$ 10 (adultos), R$ 5 (estudantes com carteirinha). Menores de 12 anos são isentos
  • Informações: 11 – 5908-0419

P.S. Para quem gosta de personagens, hoje descobri um texto muito legal no Gattune sobre Réplicas de Papel.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, casada, mãe de 3, jornalista no @avidaquer @maecomfilhos @biblianafamilia.

Comentários no Facebook