Porque ser mãe é sinônimo de cuidado #tododiaédiadesol (por Nívia Masutti)

nivia goncalves avidaquer todo dia é dia de sol johnsons
Sou a Nívia Masutti, psicóloga, mãe da Luiza, membro do grupo Mães (e pais) com filhos no Facebook, entusiasta de assuntos relacionados à maternidade, relacionamentos e sonhos e aceitei o convite de Sam Shiraishi para representar o blog neste evento.

A Johnson&Johnson comemora 30 anos desde o lançamento do primeiro produto de proteção solar e vem aprimorando e lançando novos produtos para atender a um publico diversificado, mas com objetivo comum de proteção para os efeitos nocivos causados pela exposição ao sol.

Para lançar os novos produtos para o verão 2014, foi realizado um  “Tutorial de Proteção Solar J&J” para difundir e esclarecer os benefícios da proteção solar, bem como o uso correto desses produtos, contando com a presença de um time de peso: Suzana Pamplona, Diretora de Pesquisas de Mercado J&J, Tatiana Miana, Diretora das Marcas de Solar J&J, os cientistas da equipe J&J Maycon Ribeiro e Cris Vendrúsculo, além do Dr. Sergio Schalka, Mestre em Dermatologia, Especialista em fotoproteção e Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica – SBCD. Foi apresentado o resultado de uma pesquisa sobre a relação dos brasileiros com o sol, sua exposição e hábitos de consumo de protetores solares. Foi constatado que a mulher brasileira gosta de tomar sol e se bronzear, mas, ao mesmo tempo, cuida mais de sua família do que de si mesma, apontando que 100% das crianças na praia estão protegidas, sendo que os adultos  apenas 60% se protege. E o número é ainda menor quando o uso da proteção ocorre no dia a dia e não apenas em situações de exposição voluntária, como em viagens de férias, por exemplo.

O resultado desta pesquisa, para mim, demonstrou o que conhecemos de perto no nosso dia a dia de mãe, que é a preocupação com o bem estar dos filhos e da família, muitas vezes em detrimento de nosso bem estar, situação muito comum quando nos vemos na avalanche que é a chegada de um filho.
Ser mãe é sinônimo de cuidado (e por que não cuidado consigo também?)

A J&J vem desenvolvendo produtos para os vários perfis de consumidor, com novidades interessantes, como o Sundown Kids em spray contínuo, que permite o uso em qualquer posição, diferente do aerossol, que precisa ser aplicado com o frasco na posição vertical. Para nós mães, essa possibilidade é bem atraente, afinal às vezes aplicar o protetor solar nos pequenos pode equivaler a correr uma maratona (risos).

Para as mamães (e mulheres, e homens) que gostam de se bronzear, mas sem abrir mão da proteção, novos produtos da linha Sundown Gold chegam ao mercado com um FPS maior, além dos componentes extraídos da soja, buriti e urucum, que ajudam na coloração da pele e em aerossol. Foi feita a demonstração do produto e tem um efeito hidratante incrível e é muito fácil de espalhar.

E as linhas que cuidam da pele no dia a dia, Neutrogena e ROC Minesol, foram criados produtos com fator de proteção maior, FPS70, grandes aliados na prevenção do envelhecimento.

minesol roc super dica de cuidaodo com a pele

TOP 10 das perguntas frequentes sobre o uso dos protetores solares

Ao final do Tutorial, foi apresentado um TOP 10 das perguntas frequentes sobre o uso dos protetores solares e foram esclarecidas algumas dúvidas dos participantes junto aos profissionais presentes.

Algumas curiosidades que foram ditas:

– Para quem não sabe, há uma quantidade indicada de protetor a ser usada para garantir a eficácia na proteção, que é de 2mg/cm², ou 35g de produto para um adulto de 70kg. E como medir? Pode ser usada uma colher de chá ou o fundo da palma da mão simulando essa colher. Para o rosto e cada membro superior a medida é de uma colher (ou mão), e de duas colheres para os membros inferiores e tronco. No geral as pessoas usam menos do que o indicado no intuito de economizar, assim foi falado no tutorial, mas em caso de extrema exposição, na praia, por exemplo, a eficácia pode ser reduzida, aumentando os riscos da mesma. Falou-se também da importância de reaplicar o produto, ressaltando que a primeira aplicação é a mais importante e por isso deve ser feita com mais cuidado.

– O FPS (fator de proteção solar) UVA e UVB não protege contra os raios infravermelhos, responsáveis pela sensação de calor, mas como afirmou o Dr. Sergio, ainda não foi desenvolvido um produto contra estes raios em nenhum laboratório deste seguimento, assim os produtos disponíveis no mercado não protegem contra insolação, que pode provocar desidratação, queimaduras na pele, tonturas e febre. Ou seja, em se tratando de sol, todo cuidado é válido, para nós e os nossos.

– As lâmpadas fluorescentes muito comuns em escritórios, ao contrário do que se pensa, não emitem radiação ultravioleta e a tinta branca usada nas mesmas já funciona como filtro, embora não seja proteção para os infravermelhos, ainda pouco estudados enquanto danos à saúde da pele.

– Questionei sobre a síntese de vitamina D pelo organismo x uso de protetores solares, uma vez que os médicos de outras especialidades (ginecologistas, geriatras e por aí vai) sugerem a exposição sem o uso de proteção, e o Dr. Sergio esclareceu que há uma epidemia de deficiência de vitamina D no Brasil, um país extremamente solar, e que os médicos tem considerado isso como uma mudança nos parâmetros dos exames de sangue com o aumento na taxa considerada normal. Esclareceu ainda que o uso de protetores solares não impede essa síntese e que não é necessário que se fique exposto diretamente, que estar em contato com a claridade já basta. Fiz essa pergunta porque recentemente descobri essa deficiência. Uma médica me receitou a vitamina D e outra disse que não era necessário, que é um mal da população de São Paulo e sugeriu que eu me expusesse ao sol por 15 minutos todos os dias, no horário odiado pelos dermatologistas. Ou seja, não há mesmo um consenso, o que fez com que a resposta do Dr. Sergio fizesse muito sentido para mim. Assim sigo me expondo ao sol com proteção todos os dias, como sempre fiz, e torço para que novos estudos sejam feitos a respeito, produzindo respostas mais definitivas.

– Outra curiosidade foi falada quando foi perguntado sobre produtos de uso pós-sol. Os cientistas responderam que tem um produto, o Sundown Pós Sol com Aloe Vera e que este é tão eficiente no que se propõe, que é frequentemente sugerido que ele seja mantido na cozinha, pois é eficiente na reidratação da pele em caso de queimaduras simples (adorei saber disso, quem nunca se queimou ao cozinhar, não é mesmo?).

– Ainda foi lembrado a sequência de cuidado com a pele no dia a dia e foi demonstrado o uso do produto, em que se deve primeiro lavar, hidratar, aplicar o protetor solar e só depois a maquiagem, tomando o cuidado de aplica-la dando “batitinhas” com a esponja ou pincel de aplicação, evitando assim a retirada do protetor.

novidades da linha de proteção solar

Toda essa vivência me fez pensar o quanto nós mamães estamos mesmo ocupadas em cuidar bem de nossas crias, mas nem sempre temos todas as informações necessárias para isso. Um evento como este, que tem sim o objetivo de divulgar e reforçar a imagem de uma marca, oferece informações úteis que podem afetar diretamente nossos hábitos de consumo, não apenas pela propaganda veiculada, mas antes, pelos benefícios que casa produto traz.

Vejo, em nosso dia a dia corrido, em que nos é exigido dar conta de uma gama enorme de responsabilidades e com maestria, que muitas vezes nossos hábitos se dão de maneira distraída, buscando agilidade e praticidade, mas nem sempre qualidade e principalmente, benefícios para a saúde. Proteger-se do sol, por exemplo, é uma prática que só traz resultados visíveis a longo prazo. O que tiro de bom dessa experiência é a certeza que precisamos sim viver com intensidade o momento presente, mas com um olhar adiante, no futuro, seja em boas escolhas para a vida, seja em boas escolhas de consumo, considerando que impactos cada atitude nossa trará para nossa vida, nossa saúde e de nosso entorno.

Assim, vamos viver o momento presente da melhor forma possível, contribuindo para um futuro feliz.

🙂

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Sou Nívia Masutti, psicóloga, mãe da Luiza, membro do grupo Mães (e pais) com filhos no Facebook, entusiasta de assuntos relacionados à maternidade, relacionamentos e sonhos.

Comentários no Facebook