Tudo o que a gente vê ou toca tem história pra contar

 

Tapetes Contadores de História em Brasília (jan/08)
Tapetes Contadores de História em Brasília (jan/08)

 

 

Neste sábado a a Caixa Cultural abre ao público a exposição interativa “Tudo o que a gente vê ou toca tem história pra contar”, da companhia Os Tapetes Contadores de Histórias. Vi os vídeos deles no youtube e fiquei com vontade de levar meus filhos que adoram este tipo de atividade cultural. A mostra é gratuita e comemora os 10 anos do grupo, reunindo diversas atividades como exposição, palestra, oficinas e sessões de histórias.

A companhia traz os elementos que inspiraram seus projetos e pesquisas sobre diálogo entre oralidade, literatura e artes visuais e de criação e uso de suportes plásticos para contar histórias. As crianças vão amar a possibilidade de conferir e manusear os cenários, tapetes, painéis, malas, aventais, saias, vestidos, teares, caixas de pano e jogos interativos para descobrir, inventar, ler e contar histórias.

Seu trabalho é muito elogiado porque cada obra é baseada em um conto e acompanhada pelo livro correspondente, presenteando a audiência com um repertório precioso de autores como Ana Maria Machado, Luís da Câmara Cascudo, Marina Colasanti, Peter Bichsel e Ricardo Azevedo, bem como contos populares brasileiros e peruanos. Notei nos vídeos esta mistura étnica simpatissíssima. 

Sessões de Histórias acontecem de terça a sexta para escolas e grupos fechados e sessões abertas nos finais de semana (com retirada de senhas meia hora antes). E nas sextas à noite há o Divinas y Humanas para adultos e jovens a partir de 12 anos. 

Na quinta, dia 30/10, há uma palestra Sobre textos e têxteis, das19h às 21h. Inscrições pelo tel.: (11) 3321-4400

FICHA TÉCNICA:

 

  • Tudo que a gente vê ou toca tem história para contar
  • Coordenação, Direção Artística e Curadoria:
  • Carlos Eduardo Cinelli e Warley Goulart
  • Atores e Contadores de Histórias:
  • Andréa Pinheiro, Carlos Eduardo Cinelli, Edison Mego,
  • Helena Contente, Ilana Pogrebinschi, Rosana Reátegui e Warley Goulart.
  • Criação e Confecção das Obras:
  • Carlos Eduardo Cinelli, Edison Mego, Ilana Pogrebinschi,
  • Helena Contente, Rosana Reátegui e Warley Goulart (Brasil);
  • Maria Gutierrez, Maruja Santana, Elisabeth Morales,
  • Julia Vicuña, Norys Vasquez e Jesus Morales (Peru);
  • Tarak Hammam (França)

 

Serviço:

 

  • O quê: exposição interativa “Tudo o que a gente vê ou toca tem história pra contar”, da companhia Os Tapetes Contadores de Histórias
  • Quando: de 25 de outubro a 23 de novembro, de terça a domingo, das 9h às 21h
  • Onde: CAIXA Cultural (Praça da Sé, 111)
  • Quanto: entrada franca
  • Informações: (11) 3321-4400 ou www.caixa.gov.br/caixacultural
  • Sessões de histórias: para grupos e escolas: de terça a sexta, com agendamento; abertas ao público: finais de semana, com retirada de ingresso até 30 minutos antes das apresentações (40 lugares)
  • Recomendação de faixa etária: livre
Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook