destaque / social good

IMG_1167.JPG

Dezembro começou por aqui com voluntariado e a pauta da quarta-feira, 03/12, envolveu a doação do tempo e da mão de obra da família inteira para deixar mais alegre a sede da APAE-SP (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais ). A entidade, criada há 60 anos, é uma associação em que, além de pais e amigos dos excepcionais, toda a comunidade se une para prevenir e tratar a deficiência e promover o bem estar e desenvolvimento da pessoa com deficiência.

Eu já tinha sido voluntária do projeto “Tudo de cor para você”, da Tintas Coral, renovando a pintura de patrimônios históricos de João Pessoa, na Paraiba, em 2012. Meu esposo Guilherme e nosso filho mais velho, Enzo, estiveram em Recife fazendo o mesmo, em 2013.  Desta vez completamos o voluntariado familiar, com nosso filho Giorgio, que ajudou a alegrar a fachada de uma das principais organizações do país que tem como missão promover a prevenção e inclusão de pessoas com Deficiência Intelectual.

IMG_1168.JPG

Além de levar mais cor à vida de todas as pessoas com Deficiência Intelectual atendidas pela APAE (e seus familiares, funcionários e parceiros), a ação da Coral permitiu que gente como nós,  cerca de 200 voluntários, participasse efetivamente do momento. A iniciativa – que tem como objetivo ressaltar a importância da inclusão social por meio das cores – renovou toda a fachada da sede da Organização, localizada na Vila Clementino, em São Paulo.

Ao final, os padrinhos desta edição do projeto, os integrantes do grupo musical “Demônios da Garoa”, fizeram um pocket show para todos os voluntários – mas, admito, foram ofuscados por um grupo de artistas da própria APAE, que dançou e tocou as músicas do tradicional grupo paulistano.

IMG_1166.JPG

Como parte do “Tudo de cor para a APAE DE SÃO PAULO”, o artista Reynaldo Berto foi convidado para realizar uma renovação temática no muro e paredão da parte externa da sede. Para esta ação, Berto está produzindo uma lúdica intervenção artística. O projeto proporcionou, também, treinamento e capacitação de pintura para 40 voluntários inscritos numa nova modalidade de pintura que ganha espaço comercial, o que tem uma lado valioso também para os atendidos nas oficinas (ja contei aqui que fui ao Morro Santa Marta, no Rio de Janeiro, para saber mais deste projeto de capacitação profissional que a Coral realiza junto com os “Tudo de cor”).

Para renovar a fachada da Organização e realizar a intervenção artística, foram usados 2,5 mil litros de tintas, fornecidos pela Tintas Coral. Ao todo, foram 92 cores como “Vestido de Renda”, “Açaí”, “Vermelho Revigorante”, “Luz do Amanhecer”, “Azulejo Português”, “Limão Siciliano”, entre outras. O “Tudo de cor para a APAE DE SÃO PAULO” deve impactar cerca de 13,5 mil pessoas, incluindo pessoas com Deficiência Intelectual, voluntários e funcionários.

O “Tudo de cor para você” é o principal projeto socioambiental da Tintas Coral, que tem a missão de levar cor para a vida das pessoas. Desde o início do projeto, mais de 650 mil litros de tintas já foram usados para renovar mais de 5129 imóveis em comunidades de diferentes regiões do país, localizadas em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Olinda, Porto Alegre, Ouro Preto, Porto Seguro, Florianópolis, Fortaleza, Paraty, João Pessoa, Recife e Mauá. A iniciativa, entretanto, não se restringe a levar cores para praças do Brasil inteiro. O combate à degradação de áreas e patrimônios históricos promove alegria, descontração e une moradores, voluntários e mais de mil funcionários em uma grande onda de pintura e conservação das áreas escolhidas. O projeto oferece, ainda, treinamento e capacitação a pintores que residem nas regiões beneficiadas, totalizando mais de 3184 aprendizes formados pelo projeto. Desta forma, fecha-se um ciclo sustentável que resulta no aumento da autoestima e da cidadania da comunidade. Em 2011, o “Tudo de cor para você” foi um dos cases vencedores do Prêmio Marketing Best Sustentabilidade, que reconhece as melhores práticas sustentáveis das companhias no país.

Você pode gostar também de ler:
Neste ano meu filho mais velho completa 18 anos e - geração Uber - ele
Há alguns anos, tive a honra de fazer um "tour" por uma parte do rio
(Foto da Passeata pela Paz - Capão Redondo - São Paulo,
Eu já fui migrante no Japão (como dekassegui), sou neta e bisneta de estrangeiros que
Você via mulheres grávidas, praticamente zumbis humanos, no meio de locais como a Cracolândia e
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas