bem estar / destaque / relacionamentos

old-woman-1-1227849-640x480

Neste 29 de julho, a bisavó dos meus filhos completa 100 anos. Está bem, com a saúde ótima (para a idade) e creio que estaria até mais ativa se a família tivesse conseguido prever que ela chegaria tão longe. Como ela enviuvou já aos 85 anos, ao invés de deixa-la morando sozinha ou com idosos numa de repouso, decidiram leva-la para morar com um dos filhos, isolando-a do convívio dos seus próprios amigos e sua rotina.

Não estou julgando, sei que é muito complicado conciliar tudo, mas lembro da minha própria tataravó que foi muito longeva também e não abria mão de morar com seus “velhinhos”, os amigos que fez no asilo de idosos da cidade onde nasceu, viveu e morreu. Nenhum filho, neto ou bisneto teve força para tira-la do local onde ela, bem mais idosa, cuidava de vários colegas!

Além desta atenção de “iguais”, ela vivia em um local com alguma assistência voltada aos idosos e acho que isso ajuda também, retirando a sobrecarga dos familiares e dando oportunidades de organizar uma nova rotina, de acordo com as necessidades do momento.

old-woman-1435247-639x426

Outro dia, conversando com uma amiga que tem pais idosos cada vez mais dependentes de sua presença e cuidados, ouvi falar de alguns temas que me parecem distantes, como o serviço de teleassistência. Parece coisa futurista ou de filme, mas aqui no Brasil já tem empresas que prestam serviços de monitoramento que auxiliam as pessoas que vivem sós, garantindo sua independência e proporcionando tranquilidade à família. São coisas “simples”, como um botão de emergência à prova d´água (em forma de relógio ou colar) conectado a uma central de atendimento 24h, ligações diárias ou semanais de acompanhamento, orientação médica telefônica e serviço de ambulância em casos de emergência. Para os idosos que gostam de sair sozinhos, há até um monitoramento fora de casa, com celular com teclas e visor maiores, também com um botão de emergência e sistema GPS ativado para que a família possa sempre acompanhar a localização do idoso.

Parece exagero?

Mas não é.

O papo com minha amiga surgiu justamente porque uma vizinha dela, uma senhora que vivia com uma única filha, faleceu sozinha e a filha demorou alguns dias para notar que a mãe não atendia o telefone. Como ela era do tipo reservado e saia pouco de casa, até os funcionários do condomínio demoraram a notar.

🙁

A verdade é que cada dia teremos mais idosos chegando a idades que não esperávamos, que eles não sonharam e que exige das famílias uma nova dinâmica.

old-woman-walking-1526138

 

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, PNAD, do IBGE, aponta em sua edição mais recente (2013) que a população acima de 65 anos soma mais de 22,3 milhões de brasileiros. Além disso, o número de idosos que moram sozinhos no Brasil triplicou nos últimos 20 anos, e passou de 1,1 milhão para 3,7 milhões, um aumento de 215%, entre 1992 e 2012, ainda de acordo com a PNAD do IBGE. De acordo com pesquisa do Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013 do PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), cerca de 42% dos municípios têm IDHM Longevidade (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal) acima da média brasileira (81 anos). Ainda de acordo com os dados desta edição 39% dos municípios apresentaram, entre 2000 e 2010, aumento acima da média de crescimento nacional, com destaque para as regiões Norte e Nordeste: 1.193 dos 1.704 municípios contabilizados (66%) apresentaram, nessa década, crescimento superior ao observado para o Brasil.

The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas