cultura web

"Sinto que sei que sou um tanto bem maior!"

Unir música (boa!), filosofia e cultura web, tem como fazer isso direitinho, sem pecar em nenhuma das áreas? Até conhecer O Teatro Mágico eu tinha cá minhas dúvidas e achava que isso tinha ficado lá, na saudade do século XX. Mas daí, vejam só, num #nobZL (um encontro de nerds on beer que um grupo de amigos de Twitter faz, sem muita organização, aqui na Mooca) eu ouvi pela primeira vez uma reação calorosa a este trabalho podia ser calssificado como “um grupo musical de Osasco, mas na verdade é uma ação meio política que reúne elementos do circo, do teatro, da poesia, da música, da literatura, da política e do cancioneiro popular tornando possível a junção de diferentes segmentos artísticos numa mesma apresentação.

Do que sei pelos muitos amigos que são megafãs, como o casal Lidi Faria e Leonardo Matsuda (de quem emprestei com autorização a foto do post!), o grupo foi criado em 2003 e tem uma rede de relacionamento entre os fãs que o consolidou como principal fenômeno da internet no Brasil, obtendo mais de 6 milhões de downloads oficiais na rede, milhões de views no Youtube, centenas de seguidores e fãs nas redes sociais além de aparições importantes em programas da mídia tradicional, como aconteceu há poucos dias com o vídeo de “Amanhã… Será?” (que vi no R7 via Rosana Hermann e pipocou na minha timeline sem parar nos dois dias seguintes, atingindo 300 mil views no yotube em uma semana!).

A Sociedade do Espetáculo, novo trabalho que completa a trilogia de O Teatro Mágico, é apresentada por muitos como o resultado do amadurecimento musical da banda. Meus amigos, que amam o Segundo Ato, de 2008, talvez não concordem, mas eu confesso que sou uma fã da figura de Fernando Anitelli, líder e fundador do TM, daí minha enorme expectativa em dias como esta terça, na qual eles lançam uma nova música diretamente na sua fanpage. E o que é ainda melhor: para download imediato e gratuito!

E para quem não sabe ou ficou curioso por saber mais: as músicas da trupe continuam acessíveis ao público, o que resguarda a essência do projeto (mas agora eles dizem que vão “de Milton e Clube da Esquina até a guarania gaúcha”) e projetos como A Sociedade do Espetáculo tem seu diferencial não só na inovação estética musical, capaz de reunir elementos da música internacional com uma forte brasilidade e fusão de ritmos, mas na ideia de que a música é uma troca, uma sinergia, um relacionamento entre artista e público, buscando um conceito que é o da verdadeira revolução que nós, cotidianamente, fazemos na web 2.0, em que o maior ganho não é da “venda de um produto”, mas de uma construção sem fim de relacionamento e compartilhamento.

E não é na Pedreira Paulo Leminski que @oteatromagico gravou este vídeo lindo? Morri de amores!

"E não é na Pedreira Paulo Leminski que @oteatromagico gravou este vídeo lindo? Morri de amores! Lá eu vi os shows mais importantes da minha formação musical!"

E que linguagem melhor para isso do que a música, não só a que levamos em nossos gadgets, mas que podemos compartilhar nos shows aos quais vamos com os amigos?

Corra lá no site ou na fanpage do TM porque hoje tem lançamento oficial com download gratuito!

O Teatro Mágico | A Sociedade do Espetáculo | download mp3 gratuito na fanpage

P.S. E a influência filosófica da qual falei? Vem do livro de Guy Debord, A Sociedade do Espetáculoque trata da imagem enquanto elemento organizador  da sociedade do consumo, transformando a realidade em ficção, e a ficção em realidade. O conteúdo das melodias e letras traz o questionamento do mundo em que vivemos hoje. Como na música Amanhã… Será?, inspirada nas revoluções que aconteceram no Oriente Médio, e O Mundo Não Vale o Mundo Meu Bem, com uma forte influência de Drummond (que amo apaixonadamente desde menina!).

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas