Sustentabilidade e o consumo de água nos nossos lares

Sabe qual é o vilão do consumo de água num lar? Se você pensou chuveiro ou descarga, está no caminho. Mas sabia que eles formam um trio com a lavação das roupas?

De acordo com a Organização das Nações Unidas, cada pessoa necessita de 3,3 m³/pessoa/mês (cerca de 110 litros de água por dia para atender as necessidades de consumo e higiene). No Brasil o consumo por pessoa pode chegar a mais de 200 litros/dia!

Quanto mais eu penso no meio ambiente e na preservação dos recursos hídricos, mais me vejo olhando para detalhes do interior do meu lar e relembro como as coisas eram antigamente. Não quero voltar ao tempo em que as lavadeiras iam ao rio para lavar roupas ou quando tudo se resolvia “na força bruta” no tanque, pois ambos tinham seu impacto ambiental como tem a máquina de lavar roupas. É verdade: deixar a torneira aberta por 15 minutos significa um gasto de água de até 279 litros no tanque.

Mas como evitar este gasto e lavar bem as roupas?

Neste próximo mês vou contar para vocês, todas as terças-feiras, como foi o período de testes do novo modelo Aqua Saver da Continental, uma linha de lavadoras de roupas que promete resolver parte das preocupações ambientais e da sobrecarga de roupas de famílias como a minha, em que as crianças são livres para brincar e criar, mas que devem estar também sempre limpinhas, cheirosas e “apresentáveis”.

São grandes as novidades do modelo para mim, a começar pelo capacidade da máquina, de 16 kg. É quase o dobro da que eu tinha antes e, coisa boa, usa muito menos água para fazer o processo completo.

Quando ouvi duvidei, mas ao ver o sistema funcionando eu entendi (aos poucos, como vou contar para vocês nos posts semanais) como a Saver faz milagres mesclando o sistema de lavagem com Twister (com fortes correntes circulares de água que movimentam a roupa no cesto praticamente o tempo todo), o cesto com ondulações (que faz uma “massagem” nas peças de roupas, ajudando a retirar as sujeiras mais resistentes), a recirculação da água (que aproveita tanto água quanto sabão) e o dispenser inteligente (que solta o sabão aos poucos, controlando até mesmo os sabões líquidos).

Enfim, eu, assumidamente early adopter de novas tecnologias, agora estou testando-as em casa, na minha lavanderia, comprovando com a nova máquina como aplicar as mesmas dicas de sempre: juntar bastante roupa suja antes de ligar a máquina, deixar as roupas de molho (mas tem que ser molho ativo, nada de roupa parada no balde, como vou contar em outro post) e reaproveitar a mesma água para esfregar e ensaboar.

Espero contar com sua companhia e suas dicas em comentários sobre o tema nas próximas semanas.

Saiba mais sobre a Aqua Saver no site e na fanpage da máquina, e descubra a parte social da Campanha Consciência Limpa no vídeo, muito fofo, em que eu, Gui, Enzo e Giorgio viramos personagens de desenho animado e que descobri pronto – com imensa surpresa! – hoje.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook