destaque / sustentabilidade
telhado verde

Telhado verde na sede da prefeitura de São Paulo (foto de @samegui)

Desde que estava no curso técnico de Edificações (no qual me graduei antes de optar pelo jornalismo), pesquiso alternativas sustentáveis nas construções. Lá se vão mais de duas décadas. Dentre as curiosidades que acostumei a “acompanhar” neste período estão as técnicas de permacultura (leia mais aqui!) e neste nicho, os telhados verdes – tanto que já falei disso outras vezes, como no post “Novos rurais e uma ecocasa no Dia da Terra” e A opção da permacultura ( parte da blogagem coletiva do dia mundial da água).

“Telhado verde é uma técnica de arquitetura que consiste na aplicação e uso de solo ou substrato e vegetação sobre uma camada impermeável, geralmente instalada na cobertura de residências, fábricas, escritórios e outras edificações. Suas principais vantagens são facilitar a drenagem, fornecer isolamento acústico e térmico, produzir um diferencial estético e ambiental na edificação, e compensar parcialmente a área impermeável que foi ocupada no térreo da edificação.”

Um telhado verde é uma alternativa viável e sustentável aos telhados e lajes tradicionais porque facilita o gerenciamento de grandes cargas de águas pluviais, melhoria térmica, serviços ambientais e novas áreas de lazer. Proporciona também um ambiente muito mais fresco do que outros telhados, mantendo o edifício protegido de temperaturas extremas, especialmente no verão, reduzindo em até 3°C. Uma pesquisa feita pela USP,

Há melhoria nas condições termoacústicas da edificação tanto no inverno como no verão. Estudos de bioclimatismo indicam que, com o uso de coberturas vivas, é possível melhorar em 90% as condições térmicas no interior da edificação, sem recorrer a sistemas de climatização ou ar-condicionado artificiais.

Veja quantas vantagens o telhado verde traz:

  • em ambientes extremamente artificiais como o urbano, promovem o reequilibrio ambiental, trazendo os benefícios da vegetação para a saúde pública e a biodiversidade, quando com plantas nativas do local
  • podem contar com painéis solares que reduzem o consumo de energia elétrica
  • mantém a umidade relativa do ar constante no entorno da edificação, forma um microclima e purifica a atmosfera no entorno da edificação, formando um microecossistema
  • contribui no combate ao efeito estufa, aumentando o ‘seqüestro’ (retirada) de carbono da atmosfera e ao mesmo tempo traz mais harmonia, bem estar e beleza para os moradores e/ou ocupantes da edificação
  • é também um excelente atrativo para pontos comerciais, tornando-os mais visíveis, mesmo quando distantes de locais estratégicos
  • as plantas e a terra do telhado verde funcionam como um filtro natural da água, que pode ser armazenada ainda mais limpa, para depois ser usada na irrigação do jardim, nas bacias sanitárias, no chuveiro e, em regiões mais áridas, até para cozinhar e beber

Adoro o tema, mas sempre me perguntava: quanto tempo dura um telhado verde?

Fiquei sabendo de um telhado verde que continua bem mesmo dez anos depois de ter sido instalado.

Trata-se do telhado vivo que a Ford mantém em sua fábrica de Dearborn, Michigan (EUA), que continua a florescer sobre o teto da linha de produção de caminhões da companhia. A área com tamanho aproximado de oito campos de futebol, o maior telhado vivo da América do Norte, tornou-se um ecossistema do qual dependem uma grande variedade de vegetação, insetos e animais. Um verdadeiro jardim de 10,4 hectares. A estrutura também é uma alternativa de redução de custos com o sistema de aquecimento e resfriamento da planta fabril.

Segundo a assessoria da companhia (e confesso que espero um dia conferir isso tudo in loco!), a parte viva e visível do jardim é uma porta de entrada para um sofisticado e eficiente sistema de coleta e tratamento da água da chuva. No total são 11 tipos de vegetação que vivem em uma mistura de areia, xisto, turfa e dolomita, que compõem o primeiro nível dessa estrutura. O segundo nível é responsável pela nutrição das plantas, formado por uma malha que mantém umidade apenas na quantidade suficiente para nutrir as raízes. A terceira camada direciona a água não utilizada para nutrir o telhado vivo para calhas e canos de drenagem. Enquanto a quarta, e última, camada é uma membrana que protege o interior do prédio da umidade, da força das raízes e outros possíveis danos.

A água coletada desce por canos nas laterais do prédio e é armazenada em um grande tanque. Este local, cuja superfície é utilizada como estacionamento para os caminhões produzidos na fábrica, é coberta por um piso poroso sobre uma camada de cascalho, um forro de tecido e argila, que também recebem e filtram a água da chuva antes de ser depositada no mesmo reservatório daquela recebida do telhado vivo. Depois disso, toda essa água é devolvida aos rios e córregos limpa e cheia de oxigênio.

Veja no infográfico abaixo como funciona e inspire-se.
😉

image004

 

P.S. Hoje o @avidaquer está em Camaçari, BA, conhecendo a unidade fabril da Ford e acompanhando um novo lançamento com princípios mais sustentáveis da marca. Em breve nosso representante lá, @gnsbrasil, contará por aqui o que viu e ouviu deste encontro com Bill Ford, presidente do conselho mundial da Ford. Siga no instagram do blog os updates da visita e encontro: instagram.com/avidaquer.

Você pode gostar também de ler:
Neste ano meu filho mais velho completa 18 anos e - geração Uber - ele
Há alguns anos, tive a honra de fazer um "tour" por uma parte do rio
Já ouviu falar do conceito “Design de energia”? https://www.youtube.com/watch?v=4q8ugvNZyrM   O programa Shizen Global Talent
Nasci em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, região linda do Paraná. E eis que eu,
Você é daquele tipo de consumidor que baseia suas escolhas em valores? Eu sou. Se
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas