entretenimento

20120809-232130.jpg

Acostumada a apreciar a arte dos irmãos Gustavo e Otávio Pandolfo (@osgemeos) na minha cidade e a me deleitar com cada detalhe do que eles trazem em suas mensagens, não consigo achar certo que os moradores de Boston, nos EUA, confundam sua representação da cena urbana com terrorismo.

Segundo a notícia que li, comentários no perfil do Facebook de uma emissora local que o desenho parece “um terrorista” e exigem a sua remoção. Curiosamente eu compartilhei o assunto na fanpage do blog e um comentarista logo acusou “o artista” de ser “sem noção”.

20120809-232448.jpg

Uma busca rápida informa, no próprio site da dupla, que uma série de atividades envolve a presença dos brasileiros, artistas consagrados internacionalmente, na cidade estadunidense. Vi inclusive vídeos que mostram o painel sendo feito com a população acompanhando em tempo real, reconhecendo sua obra como o fazem na mostra e no lançamento do livro sobre eles, que, aliás, tem uma imagem bem parecida na capa!

20120809-230656.jpg

Eu, sinceramente, não entendo nem aceito com passividade. Mas acima de tudo entendo que nós precisamos começar a difundir já, massivamente, o amor ao que é nosso, respeitando, valorizando e apoiando nossos artistas em seus trabalhos e exposições dentro e fora do Brasil.

Serei a única a pensar assim?

P.S. As fotos do post são reproduções do Instagram dos artistas, espaço no qual é possível acompanhar seus trabalhos. Foi lá que li a expressão “Quando um menino de pijama virou terrorista em Boston”, escrita por @carlosbezerrajr.

Você pode gostar também de ler:
Bem que eu gostaria de contar que tivemos um dia criativo fazendo graffiti ou vendo
Ainda estou no processo de "repintar" a casa, né? Os quartos já estão da cor
Mania de muita gente, o uso de filtros para as imagens que compartilhamos na internet
“A necessidade de investimentos em infraestrutura no Brasil é muito grande, e isso já é
Estava lendo uma notícia no jornal no final de semana que dava conta de que
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas