destaque / social good

  
Essa é daquelas histórias que nos dão #razoesparaacreditar. Quem relatou foi a jornalista Eliane Barbosa Cedano Lopes, que me autorizou a contar aqui.

#abreaspas

“Meu amigo Antonio, há três quartas-feiras passadas, deixou seu filho em casa à noite com febre alta , 39 graus, (sua esposa estava hospitalizada) e foi comprar remédios para ele. Como demorou muito, ele sentou-se em um banquinho e deu até tempo de atualizar seu cadastro e esperar muito. Chegando em casa tarde da noite percebeu que havia perdido seu dinheiro e não sabia onde. Ficou muito chateado e ao chegar em casa, no outro dia (ou dias depois não sei) sua esposa disse que o pessoal da farmácia havia ligado e dito que acharam o dinheiro (que não tinha qualquer identidade junto). Um cliente havia devolvido o dinheiro que havia achado próximo ao banquinho da farmácia. Já os funcionários da farmácia consultaram suas câmeras para saber quem poderia ser o possível dono do dinheiro, consultaram seus cadastros e devolveram os R$ 1.500,00 de meu amigo que é um trabalhador, pai de dois filhos e ganha pouco. A Farmácia é a Drogasil da Avenida Borba Gato, Av. Santo Amaro, próxima ao semáforo. Fiquei impressionada com honestidade e diligência de todos. Vale matéria, nem tudo está perdido.”

👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

Alguns dirão que quem é honesto não faz do que a obrigação, outros podem questionar por que ele estava com tanto dinheiro. Mas nada tira a gentileza e empatia das pessoas que se preocuparam em olhar na câmera de segurança para detectar quem era o desafortunado.

Eu também me emociono com essa história.

😊


Estatísticas