Primeira carta de São Paulo aos Coríntios



primeira carta de São Paulo aos Coríntios, carta de São Paulo aos Coríntios, frase de paulo aos corintios, texto de paulo aos corintios, obra atribuída a Valentin de Boulogne, história dos cristãos, Nicolas Tournier, Paulo de Tarso, Saul de Tarshish,  misógino, pilares da Igreja Cristã, pés da igreja Cristã, livro O Grande Amigo de Deus, indiação de livro O Grande Amigo de Deus, Taylor Caldwell,  Renato Russo, musica do  Renato Russo, composição do Quatro Estações, história da composição do Quatro Estações, Gideões, capitulos Primeira carta de São Paulo aos Coríntios, texto da Primeira carta de São Paulo aos Coríntios, São Paulo a escrever as epístolas (obra atribuída a Valentin de Boulogne ou a Nicolas Tournier) Não sou fã do Paulo de Tarso , Saul de Tarshish, como era chamado este fariseu que perseguiu os cristãos até que um dia, às portas da cidade de Damasco, teve uma cegueira temporária que lhe abriu os olhos espirituais. Ele foi sempre um misógino e isso é suficiente para me deixar com muitos pés atrás na doutrina que pregou e que, infelizmente, definiu os pilares da Igreja Cristã – depois católica – e deixou um rastro de intolerância, infelicidade e culpa em boa parte da humanidade. Nem ler o livro O Grande Amigo de Deus , de Taylor Caldwell (Editora Record, 512 págs) me fez mudar de idéia. Mas eu ainda aprecio muitíssimo algumas palavras que são atribuídas a ele e que acredito que tinham verdadeira inspiração divina. Acho que elas é que tocaram o coração do Renato Russo na época da composição do Quatro Estações, álbum de 1990 que ele compôs em grande parte após ler um exemplar do Novo Testamento (destes que o movimento dos Gideões deixa nos hotéis e hospitais). Um dos textos é o que segue:


Primeira carta de São Paulo aos Coríntios; capítulo 13 Se eu falasse todas as línguas, as dos homens e as dos anjos, mas não tivesse amor, seria como um bronze que soa ou um címbalo que retine. Se eu tivesse o dom da profecia, se conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, se tivesse toda a fé, a ponto de remover montanhas, mas não tivesse amor, nada seria. Se eu gastasse todos os meus bens no sustento dos pobres e até me fizesse escravo, para me gloriar, mas não tivesse amor, de nada me aproveitaria. O amor é paciente, é benfazejo; não é invejoso, não é presunçoso nem se incha de orgulho; não faz nada de vergonhoso, não é interesseiro, não se encoleriza, não se alegra com a injustiça, mas fica alegre com a verdade. Ele desculpa tudo, crê tudo, espera tudo, suporta tudo. O amor jamais acabará. As profecias desaparecerão, as línguas cessarão, a ciência desaparecerá. Com efeito, o nosso conhecimento é limitado, como também é limitado nosso profetizar. Mas quando vier o que é perfeito, desaparecerá o que é imperfeito. Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Quando me tornei adulto, rejeitei o que era próprio de criança. Agora nós vemos num espelho, confusamente, mas, então veremos face a face. Agora, conheço apenas em parte, mas, então, conhecerei completamente, como sou conhecido. Atualmente permanecem estas três: a fé, a esperança, o amor. Mas a maior delas é o amor.


The following two tabs change content below.
Jornalista, blogueira, casada com @gnsbrasil, @maecomfilhos de 3!, consumidora de cultura, tecedora de redes em mídias sociais, empreendedora na @otagaissama. Voluntária desde os 8 anos, praticante de boloterapia desde os 9, entusiasta e praticante do aleitamento materno como #maede3, acredita no poder das mídias sociais para promover o bem no estilo #socialgood e adota uma vida material minimalista.
Tags: literatura, livros, Música, obras literárias, são paulo

Comente, compartilhe! ;)

  • http://www.terrabrasilis.ch denise

    nossa, me senti a própria neófita ignorante sobre são paulo…
    como “católica tardia”, recuperada por nossa senhora das graças de forma totalmente mística beirando os 40 (…), ando freqüentando as missas e ouvindo homilias de padres jesuítas etc etc, e sempre o 2° texto é de são paulo e eu admiro bem como ele é conciso e objetivo e cheio de fé e de segurança etc.
    preciso estudar melhor o moço…
    mas já estava apaixonada pelo texto acima, mesclado pelo renato russo…

  • fred autumn

    Leia o livro “Paulo e Estevao” de Francisco Candido Xavier e tera maiores subsidios para tracar conclusoes sobre o assunto.

  • José Renato Venâncio

    Leiam a Bíblia Sagrada, meus irmãos, os Evangelhos e as Cartas de São Paulo; na Bíblia pode ser encontrada muita sabedoria e verdade. Há também um livro muito interessante chamado O Grande Amigo de Deus, que conta a história de Paulo de Tarso de um jeito fascinante, da querida escritora M.J. Taylor Caldwell

  • http://www.vivopelavida.com.br Gabriel

    Olá, Sam!

    Vim parar aqui pelo google e não resisti a deixar um comentário sobre a “misoginia” do nosso amigo Paulo que, na verdade, é um dos grande mostivos de discussão entre os estudiosos, cristãos ou não…

    Na verdade, as poucas passagens em que ele renega o papel da mulher a segundo plano (que, é claro, são as que todos fazem questão de se lembrar), são frequentemente questionadas como sendo enxertos posteriores (se você reparar bem, elas “aparecem” meio do nada no texto, cortando o assunto).

    Por outro lado, Paulo é frequentemente citado por pessoas que querem exatamente melhorar o papel da mulher nas Igrejas, citando, por exemplo, a passagem em que ele recomenda uma mulher que era diaconisa (um cargo de liderança nas comunidades cristãs). Está em Rm 16,1:
    http://www.bibliacatolica.com.br/01/52/16.php

    É aquela coisa: nem sempre as coisas são tão simples como parecem…

    No mais, creio que as cartas dele têm realmente muito mais grandes passagens, verdadeiros clássicos para a nossa civilização, do que trechos controversos…

    Grande abraço!

    • Saulo de Tasso

      Vc fala que Paulo de Tarso era “Misógino”????pois veja bem naquela época isto era normal ou nâo???/existia prostituição, pecado carnal homessexualismo ou vc não conhece a história de Calígula?????Bem foi Jesus Cristo que viveu com Maria Madalena….ou vc tbm é daqueles crentes que não acredita nesta história?????Então vá ao VATICANO e peça para ir “PORÃO”…e tenho apenas 1 tempo para olhar os livros que a Igreja esconde sobre a História de JC e MM. É guardado a 7 chaves….mas vc consegue ler pelo menos 1 trecho que realmente JC viveu com MM.

  • maria

    se me permite discordar S.Paulo não era misógino na verdade vc tem que analisar o que ele escreveu de acordo com sua epoca e costumes.Ele era um judeu , em uma sociedade conservadora, é claro que aos olhos de hoje dizer que uma mulher tem que ser recatada nos parece absurdo,…me parecia tambem, mas fui esclarecida por um padre : S.Paulo escrevia para comunidades novas ,que estavam se formando e talvez quissesse apenas botar ordem no lugar, pois saiam do judaísmo e iam para uma religião totalmente nova, então que postura Homens e Mulheres deveriam ter?
    Não o interprete com os olhos do seculo XXI
    Fique com Deus

  • http://123456 Danilo Muniz

    A Bíblia é um instrumento fundamental,leiam a Carta aos
    Filipenses.
    “Paulo Apostolo” é um livro especial,muito instrutivo
    e tem o melhor de Paulo Apostolo.
    Paulo,é um homem maravilhoso extraordinário,fascinante
    quem segue os mesmos passos que Paulo um dia também
    acordara para o mundo verdadeiro de Jesus Mestre.
    Danilo Muniz.

  • kaila

    olha eu achei interesante porque que nao tem a biblia e nao tem condisao de comprar podera entrar na internet o interesante é que esplica tudo.

  • rita

    Sou católica e amo minha Igreja, mas ainda que não fosse, continuaria acreditando que uma pessoa que erra tem direito ao perdão, que a mudança existe, que todos temos direito a uma segunda chance. Se não acreditasse nisso, seria uma pessoa pessimista, sem esperança, solitária e triste… é esse seu caso? Tomara que não! Então, não critique São Paulo, ele errou, mas teve uma segunda chance e viveu uma vida de reparação: ”
    Mas em todas as coisas nos apresentamos como ministros de Deus, por uma grande constância nas tribulações, nas misérias, nas angústias,nos açoites, nos cárceres, nos tumultos populares, nos trabalhos, nas vigílias, nas privações;” (II Cor 6, 4-5)
    Não vim aqui para julgar sua opinião, mas queria lhe dizer que Deus é misericordioso, até o dia em que Ele voltar, então acabará o tempo da misericórdia e iniciará o tempo da JUSTIÇA! fique com Deus e com Nsa Senhora!

  • Pingback: Mosteiro de São Bento e suas alas secretas são parte do aniversário de São Paulo | A Vida Como A Vida Quer()

  • Therezinha

    Passei a admirar Paulo de Tarso após ler “Paulo e Estevâo” de Chico Xavier. Acho a história desse apóstolo muito mais interessante do que a dos outros doze, que tiveram a felicidade de conhecer Jesus. Até por isso, e também por ter vindo de uma família judia e que perseguia os Cristãos, sua conversão é uma das coisas mais bonitas e inimagináveis que um ser humano pode se submeter. Foi uma mudança de alma e de caráter, mudança essa que foi influenciada pelo amor de Jesus.

  • jorge

    vcs já leram paulo e estevão veja como foi a vida de saulo, veja como estevão e abigail viverão na época DEUS

  • léo

    É realmente linda a trajetoria de Paulo,lendo o livro “Paulo e Estevão” eu me dei conta das verdadeiras dificuldades que ele teve para plantar a Palavra de Deus naquele tempo,muitas vezes sendo até apedrejado ,para hoje podermos disfrutar destes ensinamentos facilmente. Até hoje queremos defender nossas igrejas/religiões e revivendo todos estas dificuldades que ele viveu tambem ,nos distanciando do objetivo maior.Vamos nos entender ,nos amar indiferente de credo,cor raça ou condição Social, é o que ele tentou fazer.
    Um grande abraço a todos.

  • http://www.maynababy.com.br EUZINHA

    Adoreiiii

  • http://??? Carla

    Nossa eu amei, realmente , ouvir a palavra de Deus é um dos meus previlégios
    E quando eu posso pesquisar por ela…
    Amo ouvir a palavra de Deus e digo
    JESUS É MUITO BOM…

  • http://twitter.com/paolahila/status/23248790077 Paola Dal Ponte Hila
  • Junior

    Queria saber mais sobre a 1 e 2 cartas de São Paulo aos Coríntios.

  • samila

    amei!! essa carta de são paulo é isso mesmo , sem o amor ñ temos rumo, nós temmos q ter amor o amor q DEUS tenhe por nós, devemos agradecer toddos os diass ao nosso senhor e adora-lo porque ele é o nosso senhor. 3 coisas q devem está sempre com nosco a FÉ,a espqrança e pincipalmente o AMOR. SOU CATÓLICA tENHO ORGULHO DEO Q SOU. DEUS sei q ele sempre está comigo confio dele sempre entrego todos os dias minha vida nas mãos de deus todos os dias q vou deita entrego minha familia amigos a mim q ele fassa o q for de ser feito. se um dia te acontecer uma coisa muito ruim tenha esparanã q a sua hr ainda ñ chegouy q DEUS tenhe uma benção pra te dar. sua glória está proxima . DEUS MEU PAI OBRIGADA POR TUDO.

  • MARIA JOSÉ

    ENTREGUE A SUA VIDA NAS MÃOS DE DEUS por ele vai fazer por vc maravilhas vc vai ver, ntregue a sua vida nas mãos de deus. lembre-se sempre desta frase: a tempestade vai passar por sobre as nuves caminhantes andarei tribulasões vecerei as afriçãoe superarei por DEUS prover eu sei q proverar neste bravo mar da vida ventos vem mim atormentar essa rocha firme e forte q é meu deus ñ temeirei e nele posso confiar siim nele posso confia. http://www.kboing.com.br/eliana-ribeiro/

  • http://www.facebook.com/paulosergio.guimaraes2 Paulo Sergio Guimaraes

    que bom ler as cartas de Paulo

  • Diego Franco

    E todo esse discurso sobre misoginia. Não avalie o passado com as reflexões que estão inseridas em seu tempo. Não descontextualize a história, não olhe para trás com os olhos do presente. Não faça julgamentos isolando a história em proveito próprio para justificar sua trilha ideológica. Abaixe o dedo que aponta e deixa o coração falar.

  • jeremias

    meus irmaos se nao der para ser como pedro ou paulo seja pelo menos como andre que apresentava as pessoas para o senhor jesus cristo lembrem andre apresentou pedro para jesus e pedro o seguiu e se tornou o vaso mais precioso nas maos do senhor juntamente com paulo e os dez porque judas nao se conta

  • http://google Dinho Souza

    Amigos s.Paulo pode ter sído misógino,Judeu etc, nada disto
    nós interressa pois era um homem sábio e poderoso e oque fêz mudar
    de idéia foi o encontro com Jesus o Nazareno o ressucitado dos
    mortos que oh deixou cêgo temporário dai veio a convêrsao doi
    mesmo. Portanto amigos se já fez o mesmo encontro,vc não pode falar
    nada, porque n~çao se ama aquilo que não se conhece e nunca se
    esquece daquilo que se ama Dinho souza Salinópolis Pi
    09.05.2013

  • http://osiasleonardo.blogspot.com JOSIAS LEO

    Caros amigos, vejo a ignorância de muitos sobre o homem de Deus, o apóstolo Paulo, usado por Deus para sistematizas As doutrinas cristãs, ensinar as verdades do Evangelho, o evangelho puro, sem idolatria, tendo Cristo como único mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo, homem (1 Tm 2.5).Ele foi um homem inspirado por Deus, cheio do Espírito Santo, com os dons de Deus. O próprio Pedro disse que o que paulo escreveu era inspirado, em uma de suas cartas:2 Pedro 2. 15,16.Ele foi um desbravador DO EVANGELHO, CHAMADO POR DEUS PARA ISSO, como ele diz no primeiro capítulo do livro de Romanos. Paulo era um servo de Deus, respeitem ele, pois Deus era com ele.