a vida quer / cinema / entretenimento

 

Killa P. deu a letra,

Patti Cake$ eu fui ver.
Um filme irado,

é melhor não perder.

 

A melhor forma de apresentar Patti, aka Killa P., aka Patti Cake$, aka Patricia Dombrowski, seria começar com uma rima e entrar na batida do hip-hop. Quem dá vida a rapper é a atriz Danielle Macdonald, cuja atuação irreverente acerta em cheio ao representar uma garota do subúrbio em busca de fama e fortuna, mas que acima de tudo, quer ser respeitada.

Em tempos que discutimos feminismo, respeito e empatia, o longa traz à tona estas temáticas tão importantes e atuais. É nítido o quanto a vida não tem sido fácil para Killa P: discriminada pelo seu peso, subjugada por ser mulher e por ser fora dos padrões. Suas tentativas de entrar no mundo do rap se tornam cada vez mais difíceis ao tentar entrar em um mundo competitivo e repleto de hostilidade.
E a nossa heroína encara tudo com muita coragem e otimismo. Não vemos aqui uma mulher frágil, mas uma guria que segue em frente e mesmo titubeando algumas vezes, dá voz aos seus sonhos e silencia o preconceito com o seu talento. Em sua jornada, Pati é acompanhada por sua Nana, Jeri, seu melhor amigo e Basterd, uma figura pra lá de inusitada. Personagens marginalizados com seus anseios e suas dificuldades, e que juntos, representam um grito de basta ao preconceito. O filme vale a pena pelos risos, pela história, pela trilha sonora e pela reflexão. Se você quer ir ao cinema, reserva a sua pipoca e aproveita que o lançamento é hoje para garantir o seu ingresso.

 

Sinopse: Patricia “Killa P” Dombrowski rascunha rimas atrás de um bar pé sujo com a expectativa de quitar as despesas médicas da rude, mas amada, avó e apoiar a mãe alcoólatra, cujas aspirações de uma carreira musical falharam anos atrás. Patti e seu parceiro de rap e melhor amigo, Jheri, dividem o sonho da fama e fortuna, e de escapar de New Jersey para sempre, mas eles ainda não encontraram um produtor com as “batidas de fogo” que precisam. Ela resiste às provocações dos haters locais, e, inesperadamente, conhece um músico recluso metal-gótico chamado Basterd, que pode ser capaz de ajudar Patti a alcançar o sonho do estrelato e do sucesso no hip hop.

 

 

Direção: Geremy Jasper

Elenco: Danielle Macdonald, Bridget Everett, Siddharth Dhananjay, Cathy Moriarty, Mamoudou Athie

País: EUA

Ano: 2017

Gênero: Drama musical

Produção: The Department of Motion Pictures, RT Features, Stay Gold Features e Mayden Voyage

Classificação: 16 anos

 

PATTI CAKE$, de Geremy Jasper, estreia nesta quinta-feira, 30 de novembro em Belo Horizonte, Brasilia, Fortaleza, Rio de Janeiro e São Paulo.

Ps: guarde esse nome: PBNJ P-PBNJ

 

The following two tabs change content below.

Monise Reis

Redatora na maior parte do tempo, legal quando necessário e Power Ranger nas horas vagas.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas