empreendedorismo

Que a economia digital é sustentável e tem movimentado uma fatia cada vez maior do mercado, todo mundo sabe. Mas como fazer as compras com segurança, como saber se podemos confiar nas lojas? A gente vai experimentando, lendo reviews, conversando, pedindo dicas antes de comprar (eu mesma, antes de fechar negócio, já no site ou dentro da loja física, perguntei aos seguidores por Twitter se conhecem o estabelecimento ou o produto que me interessa).

Você já ouviu falar da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net)? Pois é, o Brasil tem uma organização assim, fundada em 2001, e que é a principal entidade multissetorial da America Latina e entidade brasileira de maior representatividade da Economia Digital. A instituição, embora pouco conhecida do público, tem papel fundamental para a promoção da segurança nas transações eletrônicas, a formulação de políticas públicas alinhadas aos anseios da sociedade moderna e, especialmente, para o aprimoramento de marcos regulatórios setoriais, que dão suporte legal às medidas de incentivo necessárias ao desenvolvimento de nosso país.

E se você quer saber mais sobre o Comércio Eletrônico, #ficaadica da Cartilha com os passos para uma compra segura que pode ser vista aqui. E a reportagem abaixo que desmistifica os direitos de quem compra pela internet.


Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas