destaque / entretenimento / Passeios

 Samba de Roda - Mestre Limãozinho e Dona Rosinha_resize

O Catavento Cultural e Educacional tem programação especial no domingo, 23/11/2014, para celebrar o Mês da Consciência Negra.

Representantes de toda uma dinastia da Capoeira Angola e do legítimo Samba de Roda/Samba Chula estarão no museu de Ciência e Tecnologia da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo para encantar e público com suas apresentações e também para um bate papo sobre nossas origens e nossa cultura.

As atividades serão comandadas por verdadeiros ícones e mestres da cultura popular, cujo trabalho de resgate e manutenção das origens tem reconhecimento no mundo todo. 

Na Capoeira Angola, será apresentada uma roda com o grupo “Semente do Jogo de Angola”, do Mestre Jogo de Dentro, tendo à frente dos trabalhos o contra mestre Fabio Formigão, acompanhado de seus alunos e convidados.

Mestre Jogo de Dentro, discípulo direto da tradição fundamental da Capoeira Angola, foi aluno de Mestre João Pequeno, que, por sua vez, foi aluno de Mestre Pastinha. E essa linhagem segue em frente com o compromisso de manter a cultura e a ancestralidade vivas.

O Samba de Roda terá à frente Mestre Limãozinho e dona Rose, dois dos maiores representantes dessa cultura no Sudeste. Alem do envolvimento com o samba, Mestre Limãozinho, discípulo direto de Mestre Limão, é líder do grupo de Capoeira TOCA (Terreiro Original de Capoeira Angola), e Dona Rose é reconhecida como uma das sambadeiras que zelam pela manutenção e difusão da raiz da cultura de samba do Recôncavo Bahiano.

Imperdível!

– Onde: Tenda do Museu Catavento (Palácio das Indústrias – Praça Cívica Ulisses Guimarães, s/no, Parque Dom Pedro II, Centro – São Paulo/SP
– Quando: 23/11/2014 (domingo)
– Horário: 13 horas – início do cortejo de chamada pela área externa museu
– Duração: Aproximadamente 2 h30
– Faixa etária:Aberto e indicado a todas as idades

Sobre o Catavento

Fruto de parceria entre as Secretarias Estaduais da Cultura e da Educação, o espaço foi inaugurado em março de 2009. São mais de 250 instalações, em oito mil metros quadrados, divididas em quatro seções (Universo, Vida, Engenho e Sociedade), cada uma delas elaborada com iluminação e sons diferentes, que contribuem para criar atmosferas únicas e envolventes. Atrações como aquários de água salgada, anêmonas e peixes carnívoros e venenosos, uma maquete do sol e uma parede de escalada onde é possível ouvir histórias de personalidades como Gengis Khan, Júlio César e Gandhi, são apenas alguns exemplos de como o visitante pode aprender e se divertir ao mesmo tempo.

No local também é possível conferir as atrações da Fundação Museu da Tecnologia de São Paulo, que teve seu acervo transferido para o Catavento no início de 2011. Entre os principais equipamentos estão a locomotiva Dübs (fabricada em 1888 na Inglaterra que pertenceu à Cia. Paulista de Estradas de Ferro e foi usada brevemente para o transporte de carga) e o avião DC-3 (1936), que foi utilizado como cargueiro militar na Segunda Guerra Mundial.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas