bem estar / sustentabilidade

Olhando para esta blusa, você diria que na verdade ela é uma camisa masculina amarrada no corpo da moça? Pois é!

Dica que vi no G+, via Flávia Galindo, e me pareceu super divertido para testar. Eu aproveitaria várias camisas do Gui porque com nossa diferença de tamanho são verdadeiros vestidinhos.

Vou testar e conto para vocês, mas, por enquanto, fiquem com o vídeo e o conselho da Flávia:

“Quando o “ex” não é um entojo, veja o que as mulheres podem fazer com aquela camisa que ficou esquecida no armário. :D”

Vasculhando no Youtube, achei outras ideias parecidas. Olhem só!

Como aproveitar um suéter (versão com trilha sonora J-Pop!):

E, para quem já tem prática ou quer começar a brincar de costura, um passo a passo:

Você pode gostar também de ler:
Você tem vontade de aprender a costurar e não sabe onde começar? Ou quer dar
Hoje a Sam postou um artigo muito bom, falando para os pais não criticarem a aparência
Há alguns dias comentei aqui sobre a postura de se informar sobre a sustentabilidade embutida
Na semana passada Dani Vidal me perguntou "O que tem no meu carro de mãe"
O excesso de peso das bolsas femininas pode afetar postura, causar tendinite e contraturas musculares.
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas