“Para mim não existe só a liberdade do corpo. Existe a liberdade da alma, do espírito, dos pensamentos”…

IMG_1308.JPG

“Para mim não existe só a liberdade do corpo. Existe a liberdade da alma, do espírito, dos pensamentos”

Os pensamentos do poeta da Fundação Casa, vencedor da edição 2014 das Olimpíadas da Língua Portuguesa, nos fazem pensar nos quanto precisamos investir na juventude. Aos 17 anos, apreendido pela 3ª vez (a primeira foi aos 13), ele já pai de um casal de gêmeos, só viu os filhos duas vezes na vida. “Eu tenho minha mulher e meus dois filhos. Nunca vi minha a mulher, meus dois filhos e eu juntos”, diz o jovem.

Precisamos de um plano para acolher estes jovens quando eles saem do sistema “correcional”, caso contrário, mesmo com prêmios e sonhos renovados, eles não saberão para onde ir e acabarão voltando para o lugar que conhecem, com as pessoas com quem se sentem normais.

🙁

Vamos pensar em algo juntos, gente?

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.