cinema / destaque

 

Antes de contar um pouco sobre o filme e tudo o que te espera, vamos a algumas curiosidades sobre T’Challa, o líder da poderosa Wakanda.

 

– Pantera Negra foi o primeiro herói afrodescente com superpoderes a estrear uma história em quadrinhos.

– Criado por Stan Lee e Jack Kirby, sua estreia aconteceu em Fantastic Four #52.

– Antes dele, tivemos Waku, o príncipe Bantu e Lobo, pistoleiro do velho-oeste, que embora habilidosos, não tinham superpoderes.

– Ele vive na fictícia nação de Wakanda, um lugar que reúne tradições tribais e tecnologia.

– O país tem como principal fonte de recursos o raro metal vibranium.

– De acordo com um mito, um dia um meteoro alienígena caiu na terra e levou o metal para o planeta.

 

Sinopse

Após os eventos de Capitão América: Guerra Civil, T’Challa retorna para casa, na nação reclusa e tecnologicamente avançada de Wakanda, para servir como o novo líder. Entretanto, T’Challa logo descobre que é seu trono é desafiado por facções dentro de seu próprio país. Quando dois inimigos conspiram para destruir Wakanda, o herói conhecido como Pantera Negra precisa se unir ao agente da CIA Everett K. Ross e membros do Dora Milaje, as forças especiais de Wakanda, para prevenir que o país seja levado a uma guerra mundial.

 

Bom, dava pra falar um dia inteiro da história do Pantera Negra, mas vou deixar aqui dois fatos que não podem ser passados batidos: o de ser o primeiro herói afro dos quadrinhos e o primeiro herói da Marvel a ter um filme seu no cinemas. (o primeiro é na verdade Blade, o caçador de vampiros, mas ele não foi lançado dentro do MCU).

Mas como disse lá em cima, Pantera Negra é um acerto do começo ao fim.

Por abordar um lado mais político, principalmente com as responsabilidades recaindo sobre T’Challa, o enredo poderia cair na mesmice, em um lado chato, mas não é isso que acontece. É um longa que mescla ação, política, questões de diversidade cultural e muito empoderamento feminino.

E sim, precisamos abordar questões e diversidade cultural e empoderamento (Girl Power). Ainda que a sua função principal seja entreter e contar a história e a mística de Pantera Negra, o debate sobre as questões raciais esteve bastante presente durante as duas horas de história. E o filme o faz com maestria e leveza. Levar à telona assuntos como preconceito mostra principalmente o quanto precisamos evoluir com sociedade. Estamos em pleno 2018 e o protagonismo negro ainda é pouco visto. Infelizmente a segregação racial ainda é uma constante.

E as mulheres mandam ver no filme. A ideia de sexo frágil foi deixada para trás. Temos na história mulheres inteligentes, fortes, independentes e que acima de tudo, tem muita garra. E elas são vistas exatamente da forma que são. Não há homens agindo com estranheza pela guarda real de Wakanda, as Dora Milaje, ser composta exclusivamente de mulheres. Isso é algo natural e comum no dia a dia da cidade.

Todos os personagens possui seus dilemas e várias camadas, que você vai descobrindo no decorrer do longa. Tudo se encaixa de modo orgânico: elenco, enredo, direção e música. Se você ainda não assistiu, dá uma olhada no trailer:

 

 

Marvel Studios’ BLACK PANTHER
L to R: Nakia (Lupita Nyong’o), T’Challa/Black Panther (Chadwick Boseman) and Okoye (Danai Gurira)
Credit: Matt Kennedy/©Marvel Studios 2018

Marvel Studios’ BLACK PANTHER
Forest Whitaker as Zuri, Daniel Kaluuya as W’Kabi, Michael B. Jordan as Erik Killmonger, Lupita Nyong’o as Nakia, Chadwick Boseman as Black Panther/T’Challa, Angela Bassett as Ramonda, Danai Gurira as Okoye, and Letitia Wright as Shuri photographed exclusively for Entertainment Weekly by Kwaku Alston on March 18, 2017 in Atlanta, Georgia.
Kwaku Alston © 2017 MVLFFLLC. TM & © 2017 Marvel. All Rights Reserved.

Marvel Studios’ BLACK PANTHER
L to R: Nakia (Lupita Nyong’o) and T’Challa/Black Panther (Chadwick Boseman)
Credit: Matt Kennedy/©Marvel Studios 2018

Marvel Studios’ BLACK PANTHER
L to R: Ulysses Klaue (Andy Serkis) and Everett K. Ross (Martin Freeman)
Credit: Matt Kennedy/©Marvel Studios 2018

Marvel Studios’ BLACK PANTHER
L to R: Nakia (Lupita Nyong’o) and Shuri (Letitia Wright)
Credit: Matt Kennedy/©Marvel Studios 2018

Ansiosos pelo filme? Conta aí:

Você pode gostar também de ler:
Nick Fury e Howard Stark. O encontro impossível no Universo Marvel acontece no filme Um

Fotomontagem com imagens de divulgação do filme

Já falei várias vezes
Você sabia que a bacia hidrográfica do Rio Formoso, no Tocantins, é a primeira e
Segundo estatísticas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil retomou sua economia,
Um dos filmes do #cinemaemcasa do nosso feriado foi o dinamarquês "Você desapareceu" (Du forsvinder). Escolhido
The following two tabs change content below.

Monise Reis

Redatora na maior parte do tempo, legal quando necessário e Power Ranger nas horas vagas.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas