cultura web / empreendedorismo

golpes-de-midias-sociais segurança na web, internet, norton, antivirus, redes sociais, Facebook, Twitter, Orkut, correntes de e-mail, phishing

Usamos muito as redes sociais, mas quem pensa nos riscos que corremos ao abrir nossos dados nestes sites? Segundo análise de dados da diretora operacional do Facebook, Sheryl Sandberg, o site atrai 175 milhões de usuários todos os dias, números que estão no radar dos criadores de vírus e outros criminosos on-line, que estão migrando suas ações para os sites mais populares de mídia social.

E como evitar um golpe ou uma infecção por vírus?

Veja abaixo as dicas da Symantec:

  • Correntes – Você provavelmente conhece essa modalidade: as temidas correntes estão de volta, mas agora são retuites por boas causas. Vale prestar atenção pois não raro, tanto a causa como a solicitação são falsas. E por que alguém publicaria isso? A Symantec sugere que pode ser algum engraçadinho procurando fazer piada ou um propagador de spam procurando “amigos” para que possa atacá-los mais tarde. Várias pessoas bem intencionadas repassam essas informações falsas para outros. Quebre a corrente e informe-os sobre a provável mentira.
  • Roubo de dinheiro – A natureza dos sites de mídia social faz com que eles propiciem o contato permanente com nossos amigos e ainda facilitem o encontro de amigos novos, sobre quem não sabemos quase nada! Ele pode ser um criminoso on-line em busca de dinheiro fácil, portanto, pense duas vezes antes de emprestar dinheiro ou criar maiores vínculos. E essa recomendação vale também para as pessoas que você conhece, pois o computador do seu amigo de infância pode estar infectado com malware que roubou todos os seus contatos e enviou um e-mail falso a todos, esperando para ver quem morderia a isca. Antes de agir, ligue para o seu amigo e confirme a solicitação. Em seguida, verifique se o seu computador também não foi infectado.
  • Cobranças ocultas – Os testes do tipo: “Que personagem do STAR WARS você é?” acabam sendo locais para inserir suas informações e número do celular, conforme instruções, para receber um SMS com o resultado. O risco é de, inadvertidamente, assinar um serviço mensal duvidoso que o cobrará $9,95 dólares por mês. Não raro o “gratuito e divertido” acaba não sendo nem um, nem outro. Fique atento a essas ciladas e vire o jogo.
  • Solicitações de phishing – estes são tão comuns que a gente até ri. Mas tem quem clique sem saber do risco que corre! “Alguém publicou essas fotos de você bêbado nesta festa animada! Dê uma olhada aqui!” Nunca cliquei, mas especialistas contam que o link costuma levar para sua página de login do Twitter ou Facebook (ou Orkut) e para entrar no site, a pessoa tem que inserir as informações da sua conta. Resultado: um criminoso on-line agora tem o controle total da sua conta. A página igualzinha que te engana é um pega bobo chamado phishing. Para prevenir isso, verifique se a sua segurança na Internet inclui defesas antiphishing.
  • URLs ocultos – este vale muito para o Twitter e no Facebook a Norton tem até um protetor online, sobre o qual falei aqui. Fique atento para não clicar indiscriminadamente em URLs que tenham sido encurtadas. Você verá esses links em todo lugar no Twitter, mas nunca saberá onde estará indo, uma vez que o URL (em outras palavras, o endereço na Web) oculta a localização completa. Um clique nesses links pode direcioná-lo ao site que deseja acessar ou a outro site que poderá instalar vários tipos de malware no seu computador. Os “encurtadores” de URLs podem ser muito úteis. Porém, fique atento às ciladas e certifique-se de ter proteção em tempo real contra spyware e vírus.
Você pode gostar também de ler:
Nem todo instagramer é um geek que usa os filtros do smartphone para fazer seu
Tudo começou num papo descontraído no Facebook que eu vi no Twitter sobre os furoshikis
Perguntei novamente ontem no Twitter se "as amizades da internet são descartáveis", inflexível na minha
Já escutei algumas vezes dos amigos dos meus filhos que usam Twitter que suas contas
“A necessidade de investimentos em infraestrutura no Brasil é muito grande, e isso já é
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas