destaque / entretenimento

Tem sido épica a saga de Vingadores: Era de Ultron nas salas de cinemas do Brasil. 

  

Se você ainda não viu porque acha que quadrinhos são muito nerd ou é filme de criança, digo para rever seus conceitos. Se você gosta de filmes de ação, direi para não perder. 

E se você, como eu, estava com a cara virada para o filme por causa da entrevista idiota na qual Chris Evans foi na onda do babaca do Jeremy Renner, garanto que eles não representam o Capitão e o Arqueiro. 

Na verdade, se não fosse por este deslize besta do Jeremy, eu teria colocado o Arqueiro numa posição bem melhor entre meus heróis Marvel depois do filme Era de Ultron. 

  
Mas desculpe, não consigo fazer isso, sou muito feminista e preciso apoiar a Viúva Negra


[spoiler]  
Aliás, antes do filme revejam a entrevista da Scarllet e do Mark, a química entre os atores vai fazer diferença positiva no contexto do filme 😉 
[fim do spoiler]

  
O fato é que filme acertou na mescla de aventura, humor e (muita!) ação, agradando a audiência brasileira. 

Soube que está há quatro semanas consecutivas em primeiro lugar em público no Brasil, resultando em mais de 8,6 milhões de espectadores que já assistiram a sequência de Os Vingadores. 

Nosso convidado Anderson Costa, super fã de quadrinhos e especialista no Universo Marvel, já tinha dado sinais de que seria assim. Como ele, Monise Reis, outra convidada do @avidaquer, foi ao cinema antes da estréia e deixou sua opinião. 

Confira abaixo:

Uma das gratas surpresas de 2015 sem sombra de dúvida é Vingadores 2, a Era de Ultron. Assim como o primeiro, a sequência não deixa a desejar com altas doses de heroísmo, Stan Lee (criador e criatura unidos), cenas de tirar o fôlego e o humor costumeiro que só a Marvel consegue imprimir. Joss Whedon faz bonito e encerra sua passagem com chave de ouro, deixando para trás mais do que uma obra irretocável, um legado para todos os fãs da franquia, que assim como eu, se surpreenderam a cada cena.

  
Além dos heróis conhecidos do grande público, surgem os irmãos Pietro e Wanda Maximoff, respectivamente Mercúrio e Feiticeira Escarlate, que já fizeram parte da Irmandade dos Mutantes e da segunda formação da equipe Vingadores (Já tivemos Vespa e Homem-Formiga, entre outros. Torcendo aqui para que entrem mais personagens clássicos). O homem mais rápido do mundo e a garota com poderes sobrenaturais já seriam motivos suficientes ir ao cinema. Mas para apimentar ainda mais, entra em cena Ultron, um vilão clássico, conhecido por muitos nerds e seguidores da editora, que a cada dia tem se firmado nas telas e mostrado a que veio.



Mas o que Vingadores: Era de Ultron tem de diferente? 

    
Todo herói tem fraquezas e medos, por maior que seja seu poder. E até mesmo o mais poderoso deles em algum momento se questiona quanto a sua condição. O resultado? Uma equipe dividida entre medos e anseios, roteiro surpreendente e um final memorável.

Valeu a pena? Muito.


O “Cabeça de Teia” aparece nas cenas pós-credito? Assista e descubra 😉

Vingadores: Era de Ultron da Marvel é estrelado por Robert Downey Jr., que retorna como Homem de Ferro, ao lado de Chris Evans como Capitão América, Chris Hemsworth como Thor e Mark Ruffalo como Hulk. Ao lado de Scarlett Johansson como Viúva Negra e Jeremy Renner como Gavião Arqueiro, e com o apoio adicional de Samuel L. Jackson como Nick Fury, Don Cheadle como James Rhodes/Máquina de Combate, Cobie Smulders como agente Maria Hill e Stellan Skarsgård como Erik Selvig, a equipe precisa se reunir para derrotar James Spader como Ultron, um terrível vilão tecnológico que busca a extinção da raça humana. No caminho, eles terão que enfrentar dois misteriosos e poderosos novatos, Wanda Maximoff, interpretada por Elizabeth Olsen, e Pietro Maximoff, interpretado por Aaron Taylor-Johnson, e encontrar um velho amigo em uma nova forma quando Paul Bettany se torna o Visão.  

The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Latest posts by Sam @samegui Shiraishi (see all)


Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas