Motivos para levar os filhos ao teatro infantil

“É fundamental levar os pequenos para o teatro, pois as peças teatrais ajudam a formar o caráter lúdico delas. É uma atitude que pode influenciar positivamente na formação das crianças, amplia sua visão sobre o mundo, dá uma qualidade de vida diferenciada, entre outras coisas. Felizmente os pais têm levados os filhos, pois percebemos que há um bom aumento na demanda”.
Clóvis Severo Brudzinski Júnior, coordenador da área de teatro da FCC

Quem não lembra de sonhar com histórias infantis e de brincar de encenar as aventuras em casa?

E fiz muito isso com meus irmãos (Sheron, “Emília” que me indicou o teste Que boneca você é, até lembrou que ela era Emília e eu Narizinho em muitas brincadeiras!) e vejo com satisfação meus meninos encenando histórias em casa diariamente, num RPG sem fim!

Este foi o tema do meu post com dicas culturais no Mãe com filhos na sexta e gerou um comentário de um amigo que é, de fato,  profissional de teatro, @maxreinert. Curiosamente nos conhecemos num comentário meu num post dele sobre teatro no Nossa Via e não foi tão amistoso assim… risos. Eu falava que aprendi a gostar de teatro com meus filhos (sou do interiorzão, não cresci com esta opção) e demorei uns 3 comentários para conseguir explicar que aprender com os filhos era um elogio, não uma forma de menosprezar o teatro!

E o que Max me disse desta vez foi o que eu tento insistir quando falo de educação para formar consumidores de cultura:

“O teatro tem tanto a oferecer para uma formação saudavel da criança que é difícil entender porque não recebe mais apoio para sua produção e circulação. Com certeza, pais sensíveis que compreendem a importância dessa experiência vão oferecer esta possibilidade e perceber o quão grande é a contribuição para o desenvolvimento de seus filhos.”

Enfim, aqui estamos nós, sempre tentando oferecer o melhor para formar bons consumidores de cultura. E não pode faltar teatro nesta formação, não é mesmo?

E se você quiser ver as dicas culturais (que contaram com a ajuda de outros pais via Tiwtter), o post está aqui.

P.S. Neste final de semana eu vou conferir com meus filhos uma peça que vive no meu imaginário desde a infância, A caverna do Dragão – O Duelo Final, uns dos desenhos mais vistos desde a década de 80. Os meninos já me ouviram falar tanto da história que estão ansiosos para ver comigo, claro. Eric, Hank, Diana, Sheila e Presto vão fugir do Vingador e contar com o Mestre dos Magos e sua ajudante Uni no Teatro Silvio Romero, no Tatuapé.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook