Meu pequeno professor de piano #100coisas

Giorgio-Sam-Samantha-Shiraishi-Sam Shiraishi-

É comum que os pais criem expectativas para os filhos e até realizem parte dos seus sonhos de vida através dos pequenos. Muitas vezes as oportunidades que não pudemos ter nós oferecemos aos filhos, não é mesmo?

Uma das coisas que queria muito na infância foi estudar música. Ainda pequena eu ia passar horas na casa de um amigo do meu pai para ouvir a filha tocar violão, mas só na adolescência tive um instrumento e fiz aulas no conservatório. No entanto, apesar disso, outro sonho ligado à música ficou lá, guardadinho: tocar piano.

Caro, grande, inacessível para mim, este instrumento sempre ficou no imaginário mesmo. Até que comecei a notar no meu filho caçula um jeitinho para a coisa e decidimos oferecer a ele um teclado elétrico de presente no aniversário de 9 anos. Demoramos um tempinho para encontrar a professora certa – que ensinasse sem ser muito durona, envolvendo teoria e prática criativa de um jeito equilibrado – e mais ainda para que eu tomasse coragem de pedir a ele que me ensinasse também.

Caderno de música

Aproveitei um dos desafios do 100 coisas para fazer com seu filho antes que ele cresça para tomar aulas com meu jovem professor. A ideia era fazer o filho ensinar pra você alguma coisa que ele aprendeu na escola naquele dia e eu logo pedi aulas de piano! Foi um tempo divertido e agora estou com o compromisso de aprender a sério, relembrando como se lê e escreve em partitura e descobrindo a clave de fá, que eu nunca usei quando fazia violão clássico.

Foi uma experiência libertadora também, sabem? Na primeira infância dos filhos a gente assume uma postura de sabe tudo e as mães muitas vezes precisam ser “onipresentes e oniscientes” para garantir a segurança e a boa formação dos pequenos. Quando os filhos começam a crescer, como os meus que já são “tweens” (pré-adolescentes), a gente pode começar a relaxar e realmente aprender mais do que ensinar. E ter a chance de não saber nada sobre um assunto no qual o filho é mais experiente – e não precisa ser música, pode ser um jogo de videogame, uma atividade esportiva ou artística – é algo que cria possibilidades super positivas no relacionamento.

Experimente você também aprender alguma coisa com seu filho! E depois conte aqui hein!

A melhor parte do blog é a conversa, é dela que surgem as melhores ideias e amizades.

🙂

Royal e AVidaQuer 100 coisas para fazer com seus filhos antes que eles cresçam

Post da série na qual, por 20 semanas, brincaremos fazendo atividades propostas com o mote “100 coisas para fazer com seu filho antes que ele cresça“.
Acompanhe a série no @avidaquer @blogcoisademae @dica_de_mae @pontecialtweet @RoLippi e @cozinhapequena e na fanpage da Gelatina Royal que nos convidou para brincar!

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook