cidadania

Desde que mudei para Sampa em 2005 eu tenho preferido usar o transporte público para circular pela cidade. Mesmo com ressalvas (realmente é sufocante de tão cheio nos horários de pico e são poucas estações de metrô, especialmente na minha região), eu ainda prefiro deixar o carro perto de uma estação e seguir no trem/metrô. Nesta terça tenho dois compromissos e para o segundo vou tentar sair da região da Paulista e chegar em Santo Amaro usando a linha de trem da CPTM, seguindo uma dica que uma amiga me passou – ela costuma usar a linha 9 Esmeralda saindo da Cidade Universitária – e ver se fica mais rápido.

O legal do transporte público é que, além de contribuir para a cidade ser mais sustentável – tirando seu carro da rua você deixa de consumir combustível, jogar monóxido de carbono na atmosfera e ainda convive com outras pessoas – eu posso ler coisas que não tenho tempo nunca e até descansar entre um compromisso e outro, coisas que não faço se estou dirigindo.

Descobri que no site do metrô é possível traçar rotas como no da SPTrans (assunto sobre o qual fiz um post que inspirou a idéia de Blog Cidadão), definindo o melhor trajeto usando metrô e trens da rede. No meu caso a rota sugerida seria a que mostra a imagem abaixo:

Se você precisar ou quiser traçar rotas para seu cotidiano, clique aqui e escolha as estações. A única coisa complicada é que você precisa saber qual estação fica perto do destino e da origem. Se você não está acostumado a tudo, faça como eu, antes de traçar veja no Google Maps como ir de um ponto a outro e lá verifique quais estações aparecem nas proximidades. O Maps funciona tanto com CEP quanto com endereço (informando rua, número, cidade, estado).

E mais uma dica: no site do metrô você pode ver alguns pontos de interesse (cultura, lazer, turismo, saúde, etc) nas proximidades das estações. 😉

[update] Vale ler o post-tratado Truques do metrô de SP , Vá de bicicleta até o metrô/trem e Trabalho remoto é uma das soluções para as grandes cidades[/update]

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas