destaque / entretenimento

  
Liberdade, Liberdade… significativa a estrelada série que revive os ideais de Tiradentes justamente nesta semana de definições políticas sérias. Nem podemos acusar a Rede Globo, afinal, (1) uma série assim não se faz do dia para noite e (2) comemoramos o feriado em homenagem a esse personagem histórico na próxima semana.

Foi rápida a participação de Tiago Lacerda como o Alferes e de Letícia Sabatela como a mãe de sua filha, Joaquina (vivida por Mel Maia). 

O legal é ver uma heroína interessante apontando em todos os teasers da série: é a filha de Tiradentes a condutora dessa história, um pouco real e muito fictícia, que se passa nas Minas Gerais do século 18.

Órfã, ela é levada para Portugal por Raposo (Dalton Vigh), um fidalgo que se compadece do seu sofrimento e cuida de sua criação. Lá, ela assume a identidade de Rosa e se transforma com o passar dos anos numa mulher cheia de personalidade e inteligente, agora interpretada por Andreia Horta. 

Vamos ver como segue. Quando vi o horário (faixa das 23h) eu já percebi que seria “pesada”, o que acho uma pena, pois faltam filmes e séries bons sobre história do Brasil e esse poderia ser uma referência para muitos estudantes, mas abusa de cenas de sexo e violência. 

😉

The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas