Ler é minha praia

Dizem que filho de peixe, peixinho é. Se os pais gostam de ler e costumam frequentar livrarias e eventos literários, os filhos saem como? Ficam como as minhas ferinhas da cultura, doidos ao ouvir falar da 20ª Bienal Internacional do Livro em São Paulo? Na quinta-feira estávamos tomando café e vimos reportagem no Bom Dia São Paulo sobre a abertura da maior feira literária da América Latina e, como a tia Tiffany previu, Enzo e Giorgio ficaram doidos e estão pedindo sem parar para irmos lá.

O programa deste sábado de manhã será café da manhã no MCDonalds (pode que eles sonham com este glamour por conta do comercial de TV? Tadinhos, nem sabem o que os espera!) e depois Bienal. Como cidadã consciente que sou, vou de metrô e na estação Tietê vou pegar o ônibus que leva gratuitamente para o Anhembi. As crianças (até 12 anos) não pagam e eu vou testar o credenciamento de imprensa (depois conto aqui como foi para fazer!). Enfim, vai sobrar dinheirinho para, como disse o Zé, gastar em livrinhos importados. 🙂 (Não pelo glamour, mas porque eles são beeeem mais em conta e muito mais legais de ler e até Enzo está treinando inglês agora assim)

Ler é minha praia é o nome do espaço infanto-juvenil na Bienal do Livro. Neste espaço crianças, educadores e bibliotecários experimentarão uma referência de biblioteca “viva”. Segundo os organizadores, “a ambientação foi pensada de forma a apresentar um equipamento com todos os recursos de uma biblioteca “viva” e interativa, contando com recursos multimídia e espaços temáticos segundo gêneros da literatura infantil”. No site oficial (que achei muito complexo e pouco funcional), há uma grade com horários e locais das oficinas de atividades lúdicas, montagens e games nas quais arte-educadores e animadores estimularão os visitantes a explorarem os espaços, acervos e recursos que serão oferecidos. Indica-se para crianças de seis anos, mas em 2006 Giorgio foi com menos de 4 e amou. 😉

Serviço:

  • 20ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo
  • data: 14 a 24 de agosto de 2008, das 10h às 22h
  • local: Pavilhão de Exposições do Anhembi (av. Olavo Fontoura, 1209, Santana, São Paulo/SP, tel. 0/xx/11/2226-0400) Veja o mapa aqui.
  • preço: R$ 10 (adultos), R$ 5 (estudantes mediante apresentação de documento e aposentados), entrada gratuita (crianças até 12 anos, adultos acima de 65 anos, pessoas com deficiência física, professores em exercício, autores, bibliotecários e profissionais do livro)

Curiosidade: veja os números do evento, que é um dos maiores do mundo!

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook