Identidade Própria

samshiraishi-001.jpgSe tem uma coisa muito estranha para mim, como jornalista, é ser tema de algum texto. Ser entrevistada é ainda pior. Lunna Guedes conseguiu a proeza de fazer ambos comigo neste começo de ano – a entrevista em formato ping pong ainda não saiu, mas minha “apresentação” está no blog Identidade Própria, com um título que não sei se Lunna escreveu como provocação ou elogio (na dúvida, opto pelo segundo): Politicamente Correta.

Outro dia conversava com uma ex-colega de segundo grau que me conhece relativamente bem (se bem que, como acontece nestas amizades antigas, carrega uma visão sobre mim que estacionou nos nossos 16 anos). Ponderávamos que não temos uma visão real do que somos e eu creio que por isso achamos que os “retratos” não nos cabem. Na verdade, somos vários e o outro, com sorte, nos entenderá como uma junção de vários retalhos, num patchwork que pode ser belo. A escolha é tanto nossa – nas nossas atitudes – quanto do outro – na sua capacidade de sair de si e de seus preconceitos para nos ver como somos realmente.

Enfim, um dos meus retratos está lá. Visitem se desejarem. E no perfil tem uma notícia que ainda não contei aqui: fui convidada para ser a editora-chefe do Nossa Via.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.