Hemocentros requisitam doadores antes do feriadão

“Oitenta e cinco por cento dos doadores têm tipo sanguíneo positivo. Apenas 15 % são de tipos negativos. Não é à toa que este é o grupo sanguíneo mais requisitado. “Um exemplo é que 40% das nossas doações são de pessoas O+, 30% de A+ e só 8% de O-. Apesar dos negativos serem os mais raros, precisamos de sangue de todos os tipos para manter o estoque.”

Hemocentro - Foto: Bruna Oliveira/ Assessoria de Imprensa HAC
“Antes de cair na folia, doe sangue” – Campanha do Hemonúcleo Regional de Jaú

Todo ano perto de feriadões já pensamos antecipadamente nos riscos que as pessoas que viajam ou abusam das festas correm. Após estas datas festivas é comum ouvirmos pedidos para a doação de sangue – justamente porque neste período o número de doadores diminui gradualmente enquanto aumenta a quantidade de ocorrências que precisam de transfusões sanguíneas.

Aproveito e faço minha parte indicando informações sobre a doação de sangue:

  • Como doar? Doadores de sangue são pessoas especiais, movidas pelo desejo de ajudar pessoas que muitas vezes não conhecem. Ao dedicar parte do seu tempo (30 minutos) para doar um pouco de seu sangue, o doador ajuda a salvar a vida de até três pacientes diferentes. Os homens podem doar sangue até quatro vezes ao ano, com um intervalo de 60 dias entre cada doação. Já as mulheres podem colaborar três vezes, com intervalo de 90 dias. Já no caso da doação de plaquetas por aférese, tanto homens como mulheres podem doar até quatro vezes por mês e 24 vezes por ano, com um descanso mínimo de 72h entre cada doação.
  • Alguns pré-requisitos para a doação de sangue:

* Estar em boas condições de saúde e descanso;
* Ter entre 18 e 65 anos;
* Pesar no mínimo 50kg;
* Estar alimentado (mas evite ingerir alimentos gordurosos);
* Apresentar documento oficial de identidade com foto;
* Não ter tido hepatite após os 10 anos de idade;
* Não utilizar medicamentos;
* Não estar resfriado ou com gripe;
* Não ter tido doença de Chagas, Sífilis, Malária ou ser soropositivo de AIDS;
* Quem não fez tatuagem ou colocou piercing nos últimos 12 meses;
* Se for mulher, não estar grávida ou amamentando.

  • Doar sangue é 100% seguro? Sim, doar sangue não oferece riscos para quem o faz, já que nenhum material utilizado na coleta é reutilizado posteriormente. Todo material utilizado na coleta de sangue e esterilizado e descartado após a doação, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação.
  • Quem doa sangue uma vez é obrigado a doar sempre? Não. Doar sangue não vicia o organismo da pessoa.
  • Qual a quantidade de sangue doada? Uma pessoa adulta possui, em média, cinco litros de sangue. Em cada doação o máximo de sangue retirado é de 450 ml e, no mínimo, 300 ml.
  • Quantas vezes uma pessoa pode doar sangue? O homem pode doar sangue a cada dois meses, e pode fazer até quatro doações no prazo de 12 meses. A mulher pode doar sangue a cada três meses, e pode fazer até três doações no prazo de 12 meses.
  • Quem não pode doar? Quem teve hepatite após os dez anos de idade; teve ou tem doença de chagas, malária ou sífilis; toma medicamentos, exceto o anticoncepcional.
  • Por que doar? Sangue não pode ser fabricado, ele só pode ser obtido por meio da doação voluntária. É uma substância nobre que nenhum medicamento é capaz de substituir.
  • O que acontece depois da doação? O doador recebe um lanche e após três semanas saem os resultados dos testes realizados com o seu sangue. Os testes são realizados para detectar anemia, sífilis, doença de chagas, Anti-HTVL I/II, Hepatite B, Hepatite C e Anti-HIV I/II, ale da tipagem AB e Rh.
  • A mulher pode doar sangue mesmo menstruada? E durante a amamentação? Sim, a mulher pode doar sangue se estiver menstruada e, até mesmo, caso esteja utilizando anticoncepcionais ou DIU. No caso da amamentação ( assim como nos casos de aborto ) o prazo para doação é de três meses após o parto ( ou o aborto ). Apenas as mulheres grávidas não devem doar sangue.
  • O que se recebe quando se doa sangue? Doar sangue é um ato voluntário cuja remuneração é proibida por lei. O doador tem direito ao Atestado de Doação e, após a segunda doação de sangue ele irá receber a Carteira de Doador.
  • O que o hemocentro faz com o sangue que recebe? Todo sangue doado é separado em seus componentes e enviado aos hospitais para atender os casos de emergência e pacientes internados. Conheça alguns dos subprodutos do sangue:

* Concentrado de Hemáceas – é usado em pacientes com anemias severas.
* Plasma – usado em grandes queimaduras para repor volumes significativos de sangue perdido.
* Concentrado de Plaquetas – utilizado em doenças onde a quantidade normal de plaquetas é baixa, ocasionando hemorragias.

P.S. O Hemonúcleo Regional de Jaú é responsável pela distribuição de sangue e derivados em três hospitais na cidade (Amaral Carvalho, Santa Casa e São Judas), além de outros nove municípios: Bariri, Bocaina, Brotas, Mineiros do Tiete, Igaraçu do Tiete, Barra Bonita, Dois Córregos, Torrinha e Itapuí. O Hemonúcleo Regional de Jaú funciona de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 16h. Às quartas-feiras o expediente vai das 7h30 às 20h. E aos sábados das 7h30 às 11h30. Mais informações pelo telefone (14) 3602-1355.

Posts relacionados:

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook