Giorgio versus Cherrie

Olá. Aqui é Tiffany, tia do Giorgio e do Enzo…

Assim como a atenciosa Simone, amiga da Sam, venho dar notícias sobre o incidente entre o pequeno Giorgio e a cadela Chérrie, a pit bull do nosso irmão, que infelizmente atacou o Giorgio na última terça-feira.

Antes de mais nada, chamo vocês que acompanham os textos e a vida da Sam a pensar comigo, qual é a idade ideal para apresentarmos nossos filhos aos animais de estimação? Em que fase e em quais situações devemos ou podemos deixar que eles convivam com cachorros, gatos, ratos, coeolhos, pássaros… Difícil, né?! Eu tenho um bebê de 6 meses e há tempos me pergunto quando poderei apresentar os cachorros de amigos e familiares com quem convivemos frequentemente ao nosso pequeno… pelo trauma recente fiquei com o pé atrás, mas ainda assim, vou levar esta reflexão adiante, pois realmente me interessa saber o momento certo. Certo mesmo é que toda criança deve ter experiências amigáveis com animais domésticos, pra mim, em especial cachorros, pois só assim seremos completos… digo isso porque penso em quantos cachorros eu mesma tive ou meus irmãos (inclusive a Sam) e em como eles nos fizeram melhores, mais sensíveis, mais animados, mais disciplinados e até mais responsáveis. Quem nunca teve um e junto dele histórias felizes e tristes, certo?! Pensando nisso, saibam que a Cherrie, a pit bull que atacou o Giorgio era uma linda cadela, de olhar marcante, delicada para os padrões caninos, obediente ao dono (nosso irmão) e querida, do jeito dela… nunca nós poderíamos esperar que ela atacasse justamente o Giorgio, assim como não esperávamos nem gostaríamos que ela atacasse criança alguma, familiar algum, assim como outros pit bulls já atacaram seus donos, em histórias que ouvimos falar quase de diariamente por aí, mas… atacou e infelizmente agora temos mais essa história em nossa família.

Mas, graças a Deus e agora vem a parte que interessa de verdade neste Post, o Giorgio está se recuperando muito bem. O acidente foi na terça-feira horário de almoço, provocado por um prato que Gio tinha nas mãos e que deixou cair próximo à Cherrie, assustando-a e causando a reação que ninguem esperava… nosso pai estava ao lado e foi ele quem segurou o animal e imediatamente socorreu o Gio. Enfim, na terça mesmo ele foi operado, levou vários pontos no couro cabeludo e face e por muita sorte, diria até um milagre, não houve nenhuma lesão mais grave nos olhos e nem em qualquer outro órgão. A internação se fez necessária por causa da cirurgia e pelos cuidados que os pontos e curativos exigem, mas desde quarta-feira ele só apresentou melhoras, conseguindo conversar com as visitas, brincando com joguinhos no notebook da mãe, dando atenção ao irmão, aos primos e tios, oferecendo sua voz meiga e seu carinho em troca dos sorrisos e orações que todos estavam lhe oferecendo. Na sexta-feira fez radiografias para confirmar a existência de fraturas e os exames ñ apontaram nada de grave. No sábado até ganhou um quarto novo (maior) no hospital, a fim de acomodar as muitas visitas que estava (e está) recebendo (deve ser o paciente com maior numero de visitas, literalmente) e no mesmo dia tirou os curativos da cabeça, ficando apenas com um tampão no olho ferido. Os pontos cicatrizam bem e muito provavelmente deixarão charmosas cicatrizes, a deixa para que esse meninão de 5 anos tenha historias para contar e meninas para conquistar… hehehe

Amanhã, terça-feira, ele fará nova cirurgia para retirada dos pontos internos do olho e para correção da pálpebra, o que por hora, é o mais delicado em toda a recuperação e a partir daí deve receber alta do hospital, finalizando sua recuperação imediata na casa dos avós, na companhia da mãe e do irmão. Papai deve voltar a SP no final de semana já que o trabalho chama e em mais 5 dias a contar a partir de quarta-feira, eles devem voltar para SP, para o aconchego do lar e suas rotinas.

Em nome da Samantha, digo a todos que nossa família ficou muito fragilizada com tudo o que ocorreu, mas ao mesmo tempo, mais unida do que nunca porque tivemos mais um exemplo de como as coisas acontecem num piscar de olhos, como a vida é frágil e como devemos priorizar as oportunidades de estar com quem amamos, querendo bem a todos. E também em nome dela, agradeço a todas as manifestações de carinho que foram escritas através deste blog, todas as orações (que tenham certeza, Deus está de fato ouvindo), o apoio e delicadeza de todos vocês, amigos da Samantha. Obrigado.

E até o final dessa semana  podem esperar uma manifestação da própria Sam e provavelmente a retomada de seus textos e comentários acerca dos mais variados temas… de jeitinho dela. Um abraço, Tiffany

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook