a vida quer

Ontem, na volta de Curitiba (onde fui passar o feriado com meus pais), eu pensava em como gostaria de morar numa casa para poder ter um jardim -e acomodar a Lindinha, nossa #petlove que ficou grande e está morando com os avós.

Lindinha, que virou Lindona, é também uma Flor de Maio, pois foi adotada por nós no final de maio de 2009

😉

Tão bom morar numa cidade com tamanho que permita que uma casa caiba no orçamento das famílias, não é mesmo? Se você mora em um lugar assim, seja grato à vida por isso.

Eu, apesar de não poder ter em Sampa a casa dos sonhos, tenho momentos de felicidade também. Cheguei em casa ontem à tardinha e me deparei com todas as minhas flores de maio floridas na janela da cozinha. Não são um pequeno jardim pessoal?

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas