Estátuas e animais de museu ganham vida em aventura

Algumas vontades de criança são tão marcantes que ficam na nossa memória e continuam sendo interessantes mesmo quando crescemos. No final de semana passado eu pude matar uma destas vontades ou, pelo menos, ter um saborzinho da aventura que quero ter – agora com os meninos – quando for visitar o Museu de História Natural de Nova York. Nós assistimos no cinema a estréia de Uma Noite no Museu, filme típico de sessão da tarde, uma aventura de pai e filho que se passa quase toda dentro daquele museu.

É verdade, nem todo mundo gosta de museu, mas já deu para notar que eu gosto… será que eu estou ficando como o Ross, do Friends? Não sei, mas é certo que tenho dois candidatos a paleontólogos ou arqueólogos aqui em casa e eles amaram os temas retratados no filme. Para ajudar, o programa teve a companhia dos nossos amigos Murilo, de 5 anos, e sua mãe Ana. Ele é companheiro de brincadeira do Giorgio e do Enzo no jardim do nosso condomínio, onde eles montam “vales de dinossauros” e colhem fósseis para experiências científicas.

Filme e não desenho

Estamos começando a transição entre os longa-metragens de desenhos animados e os filmes infanto-juvenis aqui em casa. Posso dizer que foi bom. No meu receio de que eles tivessem medo, talvez por conta do trauma da Casa Monstro, sentei-me entre os dois, para poderem pegar na minha mão. Não foi necessário, só atrapalhei a passagem da pipoca entre eles.
O filme é uma boa comédia, bastante acessível em termos de conteúdo porque o personagem de Ben Stiller é um americano típico de filmes, do tipo que acha que Teddy Rosevelt foi o 4º Presidente – nisto ele rapidamente é corrigido pela guia do museu: “foi o 26º”.
Há muitos animais, o que encanta mesmo as crianças pequenas, além da magia de um T-Rex, que os meninos geralmente adoram. Mas há poucos personagens femininos, fiquei curiosa por saber como as meninas reagiriam a este tipo de filme. O mesmo pensamento “machista” que tive quando visitamos o Museu de Zoologia da USP, onde, afinal, encontramos meninas também.

Qual é a história?
Baseado no livro ilustrado Uma Noite no Museu, de Milan Trenc, conta a aventura de um guarda noturno de um museu em Nova York que descobre que os esqueletos, estátuas e animais selvagens expostos têm o hábito de ganhar vida depois de os visitantes deixarem o local.
Inventor fracassado e desempregado, Larry Daley (Ben Stiller) aceita um emprego subalterno de guarda noturno no Museu de História Natural e descobre a magia noturna do local. Com a ajuda do ex-presidente Teddy Roosevelt (Robin Williams), Larry não apenas consegue restaurar a ordem no museu, como refazer sua relação com seu filho Nick (Jake Cherry).

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook