Entre a Luz e a Sombra

A @babifranzin me convidou para um debate interessante que acontece nesta sexta sobre o filme Entre a Luz e a Sombra, dirigido por Luciana Burlamaqui, na verdade um documentário que investiga a violência e a natureza humana a partir da história de três personagens que tiveram seus destinos cruzados no complexo Carandiru, considerado até então o maior presídio da América Latina.

O enredo tem como centro uma atriz que dedica sua vida para humanizar o sistema carcerário, a dupla de rap 509-E, formada por Dexter e Afro-X dentro do Carandiru e um juiz que acredita em um meio de ressocialização mais digno para os encarcerados. Acompanhando a vida destes persoangens durante sete anos, desde 2000, “Entre a Luz e a Sombra trata da prisão, crime, violência, reintegração social extrapolam para o encontro de classes sociais distintas e as mais difusas contradições do ser humano na busca de seus ideais”.

Se o tema lhe interessa, a diretora e parte do elenco estarão no TUCA (rua Monte Alegre, 204, São Paulo, SP) a partir das 18h30 para debater o filme! A entrada é livre. 😉

Entre a Luz e a Sombra filme
Estreia dia 27/11, em cinemas de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.
Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook