cidadania / entretenimento / sustentabilidade

Car Free Day em Wellington

É hoje novamente o Dia Mundial Sem Carro e desta vez há um movimento para reunir social media players que utilizam (ou desejam fazê-lo, né @smiletic?) um meio de transporte alternativo que não o carro (ou qualquer outra coisa motorizada). O local do encontro não poderia simbolizar melhor o caos paulistano: a Avenida Paulista. [Se bem que caos mesmo é o Maior Estacionamento a Céu Aberto, a Radial Leste, né @claudiamidori?]

O convite do movimento SWU é para sairmos da Praça do Ciclista, às 19h, em direção à Praça Oswaldo Cruz –  pedalando, patinando, correndo, andando de skate -, só não vale usando veiculos motorizados, né? É passar por lá e usar seu próprio meio de transporte “alternativo”, desde que este seja movido a energia humana. E vale ir com a roupa de trabalho, enfim.. é um dia normal na vida de todos, só que sem motor, sem poluição.

A escolha do horário é estratégica, é o fim de expediente, há mais pessoas e carros nas ruas… conseguimos mostrar que é possível viver sem carro, ou ainda, usá-lo menos.

A idéia principal do dia é fazer com que as pessoas pensem um pouco sobre o estilo de vida que levam, sobre a possibilidade de diminuírem o uso do carro (em face do trânsito pesado enfrentado nas cidades), ou mesmo, se possível, em substituir o possante por outro meio de transporte. A Bicicletada, por exemplo, é um movimento internacional que prega o uso da bicicleta como o principal meio de transporte das pessoas.

O Dia Mundial Sem Carro (no inglês, CarFree Day) foi comemorado pela primeira vez em 1998, em 35 cidades francesas. Com o tempo, a mobilização se estendeu por países europeus, chegando inclusive a outros continentes.

No Brasil, o evento ocorreu pela primeira vez em 2001 e, desde então, vem crescendo o número de adesões de municípios. A expectativa para 2008 é que a data seja comemorado em mais de 100 cidades brasileiras, dentre elas Porto Alegre, São Paulo, Belo Horizonte, Campo Grande, Natal, Salvador e Belém. Mais de 280 organizações estão envolvidas na iniciativa todos os anos. As prefeituras das cidades normalmente apóiam, fechando algumas ruas para o trânsito de automóveis, principalmente no centro das cidades.


“Todo dia 22 de setembro, milhões de pessoas ao redor do mundo comemoram o Dia Mundial Sem Carro. A mobilização é um exercício de reflexão sobre a dependência e o uso (muitas vezes) irracional dos automóveis em nossa sociedade.”

Você pode gostar também de ler:
Sempre tive o maior orgulho deste meu primo querido, o artista da família. Hoje Gilberto
“Com o trânsito cada vez mais caótico, profissionais em busca de qualidade de vida,  empresas
Sempre penso em postar aqui os registros rápidos que faço na cidade e que rendem
Hoje, como acontece geralmente nos finais de semana, #aos11 e #aos9 foram estimulados a pegar
Neste domingo a CicloFaixa chega à Zona Leste e, embora seja longe da Mooca (mais
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas