Duelo musical: SPFC X Corinthians

No programa de @oserginho (claro que Serginho Groisman está no Twitter) de sábado estiveram duas torcidas que se encontrariam em campo horas depois: São Paulo e Corinthians. Apesar da provovação imensa, acho a convivência das torcidas boazinha (quem viveu em Curitiba e viu as coisas que as torcidas do Coxa e do Furacão fazem, só se assusta com Hooligans!) e eu queria MUITO ter ido nesta gravação.
[relembrando: eu estive no Altas Horas na Banda da Torcida do Santos, como contei aqui e mostrei aqui]

Altas Horas

Ao som de “Nós vamos invadir sua praia”, “Eu sou terrível”, “O que é bom dura para sempre”, “Us mano e as Mina” as bandas mostraram da melhor maneira as suas duas paixões: o bom futebol e a boa música. O embate musical e futebolístico reuniu inusitadas bandas formadas por torcedores:

  • De um lado (são paulino): Zezé Di Camargo, Roger (do Ultraje a Rigor), Edgard Scandura, Andreas Kisser, Liminha, Ana Cañas, Luiz Thunderbird e Ivan Busic – só eu senti falta do Jairzinho?
  • Do outro (corinthiano): Beto Lee, Badauí, Japinha (do CPM22), Péricles e Brilhantina (do Exaltasamba), Alemão e Bonilha (do Inimigos da HP), Negra Li, Rapper Xis e DJ Negralha (do O Rappa).

Altas Horas

E ao que parece, no Altas Horas como no clássico deste domingo teve um empate… eu vi o jogo (quase fomos no estádio) com meu maridinho torcedor do São Paulo e percebi que estou começando a ficar ansiosa com os resultados do campeonato neste ano… será que vou desistir de vez do Paranázinho?
[Não, eu ainda vejo os resultados do meu timinho, mas ando tão desanimada com ele!]

Cumprindo uma promessa que fiz no post da minha ida ao Altas Horas, tá aí a foto que a produção fez do Serginho comigo num dos intervalos da gravação. :)

Cumprindo uma promessa que fiz no post da minha ida ao Altas Horas, tá aí a foto que a produção fez do Serginho comigo num dos intervalos da gravação. 🙂

P.S. Comentário feminino: ainda bem que eu emagreci nestes meses, voltei a ter cintura! Que coisa me ver nesta foto! Já pensou ir assim para #portocainarede?

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook