destaque / sustentabilidade

metas ambi

Muita gente deve ter ouvido a notícia de que o Brasil pretende reduzir em 37% as emissões de gases de efeito estufa até 2025. Para 2030, segundo a Presidência, a ambição é chegar a uma redução de 43%.

Essas serão as metas que o País vai levar para a Conferência do Clima em Paris, a COP-21, em dezembro e os números são considerados ambiciosos e ousados pelas comunidades científica e internacional.

Em seu discurso durante a sessão plenária da Conferência das Nações Unidas para a Agenda do Desenvolvimento Pós-2015, Dilma Roussef disse:

“O Brasil é um dos poucos países em desenvolvimento a assumir uma meta absoluta de redução de emissões. Temos uma das maiores populações e PIB do mundo e nossas metas são tão ou mais ambiciosas que aquelas dos países desenvolvidos”.

Para alcançar as metas estabelecidas, o Governo brasileiro definiu algumas medidas a serem adotadas pelo Brasil até 2030:

  • o fim do desmatamento ilegal no Brasil;
  • a restauração e o reflorestamento de 12 milhões de hectares;
  • a recuperação de 15 milhões de hectares de pastagens degradadas;
  • a integração de cinco milhões de hectares de lavoura-pecuária-florestas.

(desculpem, eu, que acompanho notícias sobre este tema há 25 anos, achei um tanto utópicas)

As metas também são ambiciosas na área de energia:

  • o Brasil irá ampliar a presença de fontes renováveis na matriz energética brasileira, chegando a um percentual de 45%
  • a participação de 66% da fonte hídrica na geração de eletricidade
  • e participação de 23% das fontes renováveis – eólica, solar e biomassa – na geração de energia elétrica
  • o aumento de cerca de 10% na eficiência elétrica
  • a participação de 16% de etanol carburante e de demais fontes derivadas da cana-de açúcar no total da matriz energética

E para alcançar tudo isso, é preciso, além de determinação e “ambição” (palavra usada por Dilma Roussef em seu discurso), ter a participação da sociedade. E a gente precisa divulgar as chances que a população tem de aprender, se informar e trocar conhecimento.

resp_meio_ambiente

No dia 07/10/2015, acontece aqui em São Paulo a segunda edição do evento “Diálogos de Educação Ambiental”, promovido pela Coordenadoria de Educação Ambiental (CEA) da SMA, destinado aos servidores do Sistema Ambiental Paulista (AmbienteSP), que abordará temas como: a gestão participativa nas unidades de conservação, a governança das águas e a Educação Ambiental no processo de licenciamento.

Os “Diálogos de Educação Ambiental” consiste-se em uma série de encontros para compartilhar experiências, reflexões e para ampliar e qualificar as possibilidades de atuação da educação ambiental como ferramenta indispensável para aprimorar a gestão pública.

O primeiro ocorrido em junho deste ano abordou o tema ‘Educação Ambiental em espaços públicos’ e contou com a participação de especialistas do AmbienteSP, da SMVMA e da USP. Neste dia, estiveram presentes “técnicos” do sistema, como os palestrantes da Fundação Florestal, Jardim Botânico de São Paulo, Fundação Parque Zoológico, Instituto Florestal, Coordenadoria de Parques Urbanos, Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente e da USP, que conversaram com  a secretária adjunta da SMA, Cristina Azevedo, e o professor da USP Sidnei Raimundo, sobre o papel da educação ambiental em áreas protegidas, em especial, as unidades de conservação, zoológicos, parques urbanos, jardins botânicos como elemento formador de cidadania.

O próximo encontro está previsto para dezembro de 2015, sob o tema ‘Educação Ambiental e Resíduos Sólidos’.

The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Latest posts by Sam @samegui Shiraishi (see all)


Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas