bem estar / destaque / Destaque Mãe / Pecorruchos

20130422-083916.jpg

Bom dia, pessoal, tudo bem no final de semana? Aos queridos que estão perguntando da gente, estamos bem – enormes, mas ainda firmes e fortes, apesar dos sinais de que o grande dia está chegando.

Dizem que a lua vira na quinta e será cheia, até lá acho que Manu ainda vai curtir a barriga da mamãe.
😉

E já que todo mundo fala sobre o tema, vale informar, né?

Apesar de ter até site dizendo que há uma influência da lua no parto, não há comprovação científica sobre esta relação e continua sendo uma “crendice popular” que o bebê costuma nascer na nona mudança de lua cheia para a nova, contada a partir da data de concepção da criança.

Mesmo assim, médicos da velha guarda admitem que alguma coisa acontece.

“Até hoje, nenhum estudo comprovou a relação das duas coisas. Mas, na época em que eram feitos mais partos normais do que cesarianas, as noites de plantão mais agitadas, coincidentemente, eram as de mudanças da lua. Sempre que tínhamos muitos nascimentos, a equipe corria para conferir o calendário e verificava que a lua estava mudando na data”, relembrou em entrevista José Bento, ginecologista e obstetra do Hospital Israelita Albert Einstein e do Hospital São Luiz, de São Paulo. 

O mito surgiu porque se acreditava que a mudança da lua influenciaria o líquido amniótico e issoestimularia o nascimento da criança.  Mas um estudo do físico e professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Fernando Lang da Silveira, comprova que a lua só tem influencia nas águas do mar. De fato, nos dias de mudança da lua cheia para a nova as marés são muito mais fortes. A ciência explica o fato associando-o ao alinhamento entre a lua e o sol que ocorre nessa época e esse momento do sistema solar não influencia pequenas quantidades de líquidos, mas somente o mar. O professor analisou as datas de nascimento de mais de 90 mil candidatos que fizeram o vestibular na UFRGS entre 1930 e 1983 (reparem, antes das cesáreas agendadas crescerem no Brasil), comparando as datas de nascimentos aos dados da tabela lunar fornecidos pelo Observatório Nacional e com a amostra identificou que não há nenhum dia lunar que se destaque em termos de número de nascimentos.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas