relacionamentos

20110904-171406.jpg

Ontem no meio do dia tirei esta foto do lindo céu paulistano, num sábado de temperatura amena (que se tornou um dia quente) e eu pensei: que pena estarmos cheios de compromissos num dia tão lindo!

Eis que hoje recebi um presente: outra manhã linda e com direito a um plus!

20110904-172020.jpg

Na saída do culto, #aos8 se juntou às crianças e passou momentos alegres colhendo amoras para dividir comigo (ele sabe que eu adoro). Fruta no pé e crianças na árvore ao sair da @ibab são sinais de um domingo abençoado.

E ao voltar para casa, vejam que dia lindo e calmo nos esperava na Mooca.

20110904-173606.jpg

Vai parecer bobagem, mas lembram daquele papo de ver novela na internet quando tenho tempo? Pois neste final de tarde de domingo eu fui tentar entender a história de Morde e Assopra, a novela das sete, da qual ouço sempre elogios à interpretação de Cássia Kiss e no capítulo de sexta ela falava algumas coisas muito significativas para o filho, personagem que chama Guilherme e é um rapaz daqueles que damos por “caso perdido”. Ela dizia, a certo ponto, qual era seu conceito de felicidade:

Felicidade é eu acordar e sentir dentro de mim que eu estou fazendo a coisa certa. Felicidade é olhar pro lado e ver teu filho, pegar ele no colo, é cantar para ele, cuidar dele (…) é chegar aqui às 5h da manhã para dar café da manhã para você, te dar bom dia, te dar beijo, sair para o meu trabalho para ganhar meu dinheiro (…) honesto, é a amizade dos meus amigos, é olhar para eles, rir para eles e eles rirem para mim de volta. Isso é que é felicidade e eu não pago nada para ser feliz! Felicidade para mim é amar.

Pensei muito nesta pequena felicidade cotidiana e no quanto a gente complica o que pode ser simples. Ao invés de ajudar, incomodamos-nos pensando se outro não vai se sentir ofendido, humilhado ou invadido na sua privacidade quando o vemos frágil ou necessitado. Falta-nos, no cotidiano, a atitude simples de aproveitar as pequenas alegrias e bênçãos que podemos compartilhar com quem amamos, esticando o braço para pegar uma simples amora na árvore que oferece seus frutos no nosso caminho.

P.S. A @ibab é a comunidade que freqüentamos aos domingos, uma igreja Batista tradicional do bairro da Água Branca, mas que tem pregações muito atuais que nos exortam a voltar a viver o cristianismo original, vivido no relacionamento com a comunidade. Eu costumo contar minhas impressões da Palavra (geralmente ouvida na voz de @edrenekivitz) na fanpage do @bloglouvor. E a pregação deste domingo tinha absolutamente tudo a ver com as frases da novela. 🙂

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas