casa

Ainda estou no processo de “repintar” a casa, né? Os quartos já estão da cor que a gente queria, mas ainda estamos avaliando uma boa cobertura para a parede azul de riscar a giz que está na sala. Eis que me deparei com esta opção – e, confesso, sempre quis um grafite em casa, fiquei super tentada a convencer o Gui!

No vídeo, Alê Ferro, arquiteto e artista plástico, dá dicas para quem quer ter um grafite em casa. Por Ligia Roca (vi aqui).


E para quem gostou, tem mais aqui:

O pé-direito duplo é valorizado pelo grafite feito por Zezão.

E que tal este teto com obra de OsGemeos e projeto de Oscar Mikail?

Na 17ª edição da Casa Cor SP, os traços da dupla Os Gêmeos chamaram a atenção no teto de uma sala. O projeto é do designer de interiores Oscar Mikail.


P.S. Em 2009, na edição da Casa Cor, pude conversar com Oskar Mikail e é notável sua simpatia pelo grafite no lar como uma forma de personalização do espaço. Abaixo tem uma foto da Suite master que tinha assinatura dele na edição passada (no alto, na foto ainda com cabelos curtíssimos, sou eu ao lado do decorador].

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline Estatísticas