Cartão corporativo

cartaogoverno.jpgPensei muito se não seria repetitivo comentar, novamente, os abusos com os cartões corporativos do Governo. Mas, com tanta repercussão que li nos posts que listo abaixo, creio que é o momento para encararmos este e outros assuntos indigestos do modo de governar – e ser governado – no Brasil.

O bem amado cartão corporativo é o tema do meu artigo de hoje no Nossa Via. Deixo uma provocação para vocês responderem :

Por que não nos incomodamos mais com o que fazem com o nosso dinheiro? Será que não nos consideramos donos?

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.