destaque / entretenimento


Ao ver As Duas Faces de Janeiro no catálogo doNetflix, separei na minha lista para conferir. Neste final de semana vi o filme que se passa nos anos 1960, na Grécia, mostrando o vazio do pós-Guerra. 

Minha curiosidade com o filme foi por conta do elenco, pois a namoradinha do Peter Parker (Kirsten Dunst) casada com Passolargo (Viggo Mortensen) chama atenção. Em seguida descobri que o livro que deu origem ao filme é de Patricia Highsmith, a mesma autora de O Talentoso Ripley. 


Como li na época do lançamento no cinema, “estão lá mais uma vez a ambientação no Mediterrâneo, personagens da alta sociedade decadente e um jovem que não tem muito a perder – fatores de uma tragédia anunciada”.

Honestamente? 

Apesar de lembrar o ambiente e as relações estranhas dos personagens que nos prendem no Ripley, a história não tem a mesma força. Sinto que o personagem de Viggo é muito claramente “um cara mais velho que não aceita não como resposta” e o de Isaac visivelmente “jovem demais para não se envolver”. 

Kirsten tenta, mas não ganha nossos corações. Mesmo assim, o enredo é bom para nos segurar até o fim. E a fotografia e locações são indiscutivelmente lindas!

Sinopse:

O americano Rydal (Oscar Isaac), guia turístico na Grécia, se aproxima de um casal de viajantes (Viggo e Kirsten) e acaba testemunhando um crime. Unidos pela cumplicidade, eles fogem de Atenas e um triângulo amoroso se estabelece.

Ah, o filme de 2014 é a estreia de Hossein Amini, roteirista de Drive e de Branca de Neve e o Caçador, como diretor. 


Famosa pelos seus thrillers criminais psicológicos, Patricia Highsmith começou a carreira escrevendo roteiros para histórias quadrinhos para editora Nedor, sobretudo as do super-herói Black Terror. Imaginem isso na década de 1940! 
(aliás, no tempo da querida Agente Carter!)


A escritora ficou mundialmente famosa por Strangers on a Train, que teve já várias adaptações para cinema, sendo a mais famosa dirigida por Alfred Hitchcock em 1951, e pela série Ripliad com a personagem Thomas Ripley, que em 1999 rendeu um filme incrível com Matt Damon, Jude Law e Gwyneth Paltrow. 

😉


Estatísticas