Ano novo, casa em ordem

Vocês certamente já ouviram o ditado:

“Se você quer que uma coisa seja bem feita, peça para uma pessoa ocupada fazê-lo.”

Organização é o segredo destas pessoas. Quando sabemos exatamente onde as coisas que precisamos estão, nosso tempo é otimizado e melhor aproveitado, sobrando até tempo para o “ócio criativo”, os momentos de não fazer nada e deixar a cabeça funcionar criativamente.

Então, neste começo de ano, que tal aproveitar algumas horas desta semana para organizar suas coisas?

Para uma “vida nova” no ano novo, que tal proceder a uma limpeza do nosso espaço para deixar que cheguem coisas novas e mudanças possam começar a acontecer? Siga alguns dos passos abaixo e cremos que não vai se arrepender:

– Comece com a organização básica: gavetas, armários, papeis. A desorganização traz preguiça, cansaço, falta de objetivos e insatisfação com a vida, enquanto que separar e jogar fora o que não precisamos mais traz a sensação de renovação otimista.

– Desfaça-se de tudo aquilo que já não tem mais utilidade ou significado, seja material ou emocional. O que passou, passou. Aquilo que já perdeu o significado ou que esteja no passado deve ser descartado. É um bom exercício para praticar o desapego: doação.

– Faça a faxina como de costume, mas, de preferência utilizando materiais novos e naturais. Tudo fica registrado nas paredes, no piso, no teto, nos móveis, nos objetos … nas pessoas. Então, além da faxina normal, aproveite que é verão e deixe os espaços tomarem muito ar fresco e sol, quem sabe até incluindo plantas e trazendo mais cor ao espaço.

– Reveja a necessidade de objetos e móveis de forma a não dificultar a circulação de energia. Mantenha somente o que é mais necessário para seu uso diário.

Simples, não é mesmo?

Conte nos comentários, quais são as suas dicas para manter a casa em ordem e deixar a energia fluir da melhor maneira?

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook