9 de julho

Maria Augusta, em seu Jardin, contou outro dia sobre o Brocante 1900 que acontece na região francesa onde mora. Ela dizia que demorou a entender o fascínio das pessoas por estas antiguidades e coisas velhas. Para mim, o tal “vide-grenier” (esvazia celeiro) em que se vende tudo que se possa imaginar, lembrou os cartazes “Familia Vende Tudo” que vejo em frente a algumas casas de São Paulo.
Na hora lembrei de outra referência ao tema: no livro Caçador de Pipas, de Khaled Housseini, o afegão se volta para esta atividade quando muda para San Francisco, CA. A analogia é bela porque mostra como o povo exilado pelo Talibã valorizava as tradições e objetos de familia que perderam para sempre.
Esta ligação com as tradições é o que me chama atenção neste feriado de 9 de julho. Vi outro dia fotos de um edifício (um cotonifício na Mooca, que foi o local da primeira greve operária no Brasil) e que foi bombardeado na revolução constitucionalista de 1932, à qual se refere o feriado. O levante de São Paulo contra as tropas federais fiéis ao governo de Getúlio Vargas, que durou três meses de lutas e só acabou quando os paulistas depuseram as armas, resultou na convocação da Assembléia Nacional Constituinte dois anos depois. Vejo neste evento o que nossa sociedade sempre precisa e nunca consegue ter: mobilização. Mas este tema fica para outro dia.
Do feriado: passamos o domingo em Embu das Artes e meus filhos se encantaram com umas antiguidades de lá que soaram completamente novas para eles, dentre elas relógios despertadores (daqueles que se dá corda e despertam com “trim”) e telefones de discar! (risos)

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.