3º Workshop dos Espaços Criança Esperança

Evaristo Costa participa do 3º Workshop dos Espaços Criança Esperança, em São Paulo.- TV Globo / Zé Paulo Cardeal

Taí um encontro que eu adoraria ter presenciado – e espero que um dia a Globo me chame para conferir 😉 – porque deve ser inspirador conviver com jovens empenhados assim. O 3º Workshop dos Espaços Criança Esperança reuniu em São Paulo, no dia 01/06, participantes do projeto no Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Jaboatão e São Paulo, objetivando capacitar, orientar e motivar os jovens e a área de Comunicação dos Espaços num ciclo de palestras com os profissionais da Globo.

Segundo a assessoria, o jornalista Evaristo Costa (do Jornal Hoje) foi o primeiro a conversar com os jovens, relembrando sua trajetória até chegar a TV Globo, incluindo as oportunidades e dificuldades, incentivando-os a estudarem e ressaltando a importância da leitura. Em seguida (que sonho!), eles tiveram uma oficina de foto com o fotógrafo José Paulo Cardeal, que contou sua experiência na emissora e deu dicas de como usar a foto para ilustrar as matérias e também de como captar a essência do que quer comunicar através do registro fotográfico. Em seguida Sarita Sousa, apresentou aos jovens o universo da assessoria de imprensa, ensinando os passos para uma boa matéria, com exemplos de reportagens, tipos de coberturas e títulos. Para completar, o professor Sérgio Nogueira deu dicas de português, formas de linguagem e falou um pouco sobre a Reforma Ortográfica.

E as novas mídias, claro, não ficaram de lado. O querido amigo Carlos Alberto Ferreira, coordenador do Departamento de Mídias Sociais da Rede Globo, ministrou uma oficina de mídias sociais focada no bom uso do Twitter, na qual ofereceu um passo a passo desde a criação de um perfil até como interagir na ferramenta.

 Legenda: Evaristo Costa participa do 3º Workshop dos Espaços Criança Esperança, em São Paulo.- TV Globo / Zé Paulo Cardeal

Quem já viveu, ainda na adolescência, uma experiência assim (de conviver e aprender com profissionais, ainda que por pouco tempo), sabe o quanto uma atitude de doação dos profissionais pode ter significado em termos de inspiração para que os jovens desejem e busquem mais da vida, para que acreditem num futuro realmente melhor. Fico emocionada só por imaginar como eles voltaram para casa “abastecidos” de ideias, de sonhos e de novos objetivos.

Você pode gostar também de ler:
The following two tabs change content below.
Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena. Um breve resumo: cristã, jornalista, netweaver na otagai.com.br, blogueira no @avidaquer @maecomfilhos @cosmethica.

Comentários no Facebook