a vida quer / destaque / relacionamentos

Domingo à noite, possivelmente a TV ligada na fase final do campeonato estadual e minha cabeça a mil por tudo que li na mídia e os passeios do final de semana: se minha memória não falha, deve ter sido assim que comecei a escrever um blog em 2005.

De lá para cá, graças ao blog, me surpreendi muito, fiz amizades que mudaram minha vida, criei uma empresa para atuar no jornalismo que acredito, descobri marcas que me apoiam como eu sou, viajei, palestrei, apareci na TV, jornais, revistas, rádio.

Me reinventei e descobri a genuína alegria de viver cada momento e cada pessoa de modo único. 

Por tudo isso, digo que devo a vocês tudo que sou hoje!

Obrigada e continuem por aqui por mais muitas décadas!

E por favor, deixem um recado no post do blog, se possível contando quando e como descobriram o blog e do que gostam nele. Tenho alguns presentes para os leitores e quero dar aos comentaristas mais queridos e frequentes.

Beijos em cada um de vocês <3

O www.avidaquer.com.br completa 10 anos e eu agradeço sua companhia!

Obrigada por dar significado às nossas conversas sobre a vida que a gente quer!

🙂


Comments

  1. Oi Sam, parabéns pelos 10 anos! não lembro como cheguei aqui, mas provavelmente foi através de algum blog que há 10 anos atrás era uma febre e até eu comecei um e serviu pra através dele, conhecer muitos outros blogs. Lembro que sempre lia um que do lado direito da página tinham 3 ou 4 colaboradoras e se não me engano uma delas era você….to aqui quebrando a cabeça e não lembro o nome das outras…..enfim, nem sempre comento aqui ou nas redes sociais, mas to sempre lendo…beijo , sucesso e felicidade em tudo que fizer !

  2. Acompanhei boa parte desses 10 anos e digo que me orgulho muito por, mesmo às vezes um pouco distante, fazer parte disso. Sucesso e que venham mais décadas de trabalho que sei que é feito com carinho e responsabilidade. Beijo!!

  3. Anamaria Says: abril 20, 2015 at 1:12 pm

    Sam, conheci vc e o blog pelo @maecomfilhos no Twitter. De lá para cá foi admiração pura e troca de informação de qualidade!
    Sucesso sempre!

  4. Ih, Sam! Não lembro exatamente como cheguei ao blog, mas sei que te conheci no Twitter; provavelmente através do @maecomfilhos. 🙂
    Ah! E parabéns pelos 10 anos de blog!!!

  5. Kids Indoors Says: abril 22, 2015 at 8:14 am

    Olá. Muitas felicidades. Muito feliz de ser leitora do A vida quer!! Cheguei até você após conhecer os Pequenos Leitores. Seguia lá e naturalmente vim parar aqui. E indiquei seu blog pra várias pessoas, em especial prainha irmã, que te conheceu pessoalmente, antes de mim. Adoro ler sua visão do que está acontecendo pelo mundo. E principalmente teu olhar sobre a cidade, a cidade para as pessoas e como melhora-lá. Parabéns e muito mais sucesso! 🙂

  6. daniela giorgia Spinardi Says: abril 22, 2015 at 2:38 pm

    Olá Sam, muitas felicidades!! Conheci seu blog através da minha irmã que te seguia e comecei a ler publicações no instagram e adorei! Depois recebi um convite de participar do Cartas ao futuro na última reunião e adorei te conhecer pessoalmemte e seus projetos! Para mim foi um dia iluminado e com muita troca!
    Parabéns e muito sucesso nas próximas décadas!!!

  7. Minerva Weisheit Says: abril 24, 2015 at 7:36 am

    Querida Sam, mais uma vez, parabéns: uma década é motivo de muita comemoração! Quem venham outras, sempre com inovações, trabalho sério e momentos bacanas e úteis a serem compartilhados no mundo digital! Juro que tentei achar meu primeiro comentário no seu blog, mas me perdi na tarefa… Conheci o “A vida como a Vida quer”, por meio do seu twitter. Provavelmente, algo em torno do final de 2010 e início de 2011 e me recordo que a matéria era sobre literatura infantil, um tema que aprecio profundamente! De lá para cá, sempre que posso ou que o enunciado de alguma matéria me chama a atenção, venho fazer uma visita. Sucesso!!!! um grande abraço, Cássia (@popysp )

  8. Viviane Petri Says: abril 24, 2015 at 3:13 pm

    Eu adoro estar por aqui.
    Acompanho quando posso, e os conteúdos em que publica são ótimos, e abrange vários assuntos, isso que me atrai.

    E que venham e muitos anos pela frente, que a trajetória seja ainda mais promissora.
    Sucesso sempre. Te acho uma querida e super carinhosa sempre.
    Bjs
    Vivi

  9. Nivia Gonçalves Says: abril 27, 2015 at 1:59 pm

    Sam, sou sua fã!!! Já era antes de te conhecer fora da tela e conhecer a pessoa por trás dos textos só fez crescer a admiração, agradeço o dia que a ‘desvirtualização’ aconteceu :). Te admiro pelos valores sólidos e pela coerência em trabalhar a favor de suas crenças. Isso é ouro!!!
    Não sei bem como foi que conheci vc e o blog. O que sei é que algum anjo bom me colocou no Mães com filhos no facebook. E já faz tempo isso, nem sei qto. E embora eu tenha sido muito mais uma leitora quietinha, tenho aprendido e refletido muito por aqui, repensado uma série de conceitos e práticas, numa longa busca de me descobrir como vc descreveu aí em cima: viver e atuar naquilo que acredito e me relacionar com quem acredita e apoia quem eu sou. Vc é uma grande inspiração!

  10. Ana Cristina Says: maio 7, 2015 at 11:18 pm

    Oi, curti seu blog, me identifiquei contigo. Procuro uma boa escola construtivista na região leste, para o ensino fundamental 2, que tenha período integral, Gostaria de alguma indicação. Obrigada!

  11. Pereira Renato Says: junho 15, 2015 at 11:24 am

    Olá Sam, tudo bem? Sou professor em Ponta Grossa e trabalho com cultura. Cheguei ao seu blog através de uma pesquisa genealógica. Curioso, a história começa quando minha mãe me disse que o Juca Hoffmann, que era deputado na época, foi padrinho de casamento do irmão dela (Antonio Vicente Barbosa e Noemi Araujo). Citou-me o nome Lucia Itamara, que constatei ser filha do Juca. Também citou a Maria Augusta, esposa do Juca. Falou-me também que a mãe da Noemi, chamava pelo pai dela como tio. Infelizmente o marido da Noemi faleceu jovem e perdeu-se o contato. A referência que tenho é Monte Alegre, Telêmaco Borba. Bem, gostaria de resolver este mistério. Aguardo um retorno. Grande Abraço, Renato.

  12. Maria Sem Sobrenome Says: setembro 22, 2015 at 4:29 pm

    Gostaria de saber se vc pode indicar algum doutor , moro em sp, para tratar encoprese.. tenho um sobrinho de 7 anos com este problema……

Comments are closed.

Estatísticas